Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/4844

Title: Genetic diversity in a little known lemur species from the north of Madagascar (Microcebus tavaratra)
Authors: Pais, Isa Gameiro Aleixo, 1980-
Advisor: Chikhi, Lounès
Sucena, Élio
Keywords: Genética das populações
Lemur
Madagascar
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Abstract: Estudos sobre a delimitação das espécies e genética populacional providenciam-nos informação sobre a evolução das espécies assim como a sua resposta natural às pressões antropogénicas. Ainda assim, para muitas espécies, esses efeitos ainda não foram estudados e necessitam de mais investigação (Hanski et al., 1998). Este é o caso dos lémures rato (género Microcebus) que habitam as florestas de Daraina. Foi sequenciado o ADN mitocondrial de 72 indivíduos Microcebus, cujas amostras tinham sido recolhidas em três fragmentos de floresta, de modo a determinar se eram todos membros da mesma espécie, a M. tavaratra, uma vez que dois outros indivíduos desta espécie já tinham sido identificados nesta região (Weisrock et al., 2010). É importante perceber como a diversidade genética é distribuída tanto para os genes mitocondriais como para os nucleares (microsatélites), uma vez que o rio Manankolana e outros aspectos ecológicos de Daraina já demonstraram desempenhar um papel importante na estrutura genética de algumas populações (Quéméré et al., 2010; Radespiel et al., 2008). Os resultados sugerem que todos os indivíduos pertencem à espécie M.tavaratra e que é mantida uma grande variabilidade genética nas populações de Bekaraoka e Solaniampilana. Contudo, na floresta de Binara, a falta de diversidade genética em todos os mtADN loci é surpreendente. Por outro lado, os dados dos microsatélites demonstraram que afinal a população de Binara exibe variabilidade genética assim como as outras duas populações. Como tal, não foi possível identificar nenhuma estrutura populacional ao nível nuclear. Embora seja provável que este seja o estudo mais abrangente geograficamente sobre os Microcebus de Daraine, os resultados sugerem que é necessária mais investigação. Estudos como este são importantes para que se implementem planos de conservação coerentes e consistentes para as espécies em risco.
Description: Tese de mestrado. Biologia (Biologia da Conservação). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4844
Appears in Collections:FC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfc092721_tm_isa_pais.pdf1.98 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE