Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/4936

Title: Concepções de dificuldades de aprendizagem no corpo docente de uma escola de 1º ciclo
Authors: Gil, Cristina Pinto Coelho
Advisor: Gonçalves, Maria Dulce Miguéns, 1961-
Keywords: Dificuldades de aprendizagem
Inclusão escolar
Necessidades educativas especiais
Ensino básico (1º ciclo)
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Abstract: A forma como os professores perspectivam as dificuldades de aprendizagem pode influenciar de forma determinante o modo como avaliam, reagem e actuam nessas situações. No âmbito do estudo das concepções pessoais de professores, o principal objectivo do presente trabalho foi a identificação e a descrição das concepções pessoais sobre dificuldades de aprendizagem do corpo docente de uma Escola EB1/JI do Concelho de Almada, constituído por 14 professores. Para a recolha de dados foi utilizado o questionário “Perspectivas Pessoais dos Professores sobre Dificuldades de Aprendizagem”, de formato digital e de preenchimento online (Google Docs). A análise dos dados foi feita com base em classificações já pré-existentes de concepções de aprendizagem (Marton, Dall’Alba & Beaty, 1993), concepções de dificuldade de aprendizagem (Gonçalves, 2002) e classificações de dificuldade de aprendizagem (Cruz, 1999). Os resultados vieram demonstrar que num pequeno grupo de professores de uma mesma escola é possível observar uma grande variabilidade ao nível das concepções, tanto quanto à aprendizagem, como quanto às dificuldades de aprendizagem. Estes professores também diferem amplamente entre si quanto ao tipo de dificuldades de aprendizagem que observam nos respectivos alunos, para as quais indicam diferentes causas. Os professores referiram ainda as mais variadas estratégias para colmatar e apoiar essas dificuldades de aprendizagem. O presente trabalho pretende realçar a necessidade de estudar e conhecer as concepções pessoais dos professores tanto sobre a aprendizagem como sobre as dificuldades salientando as implicações que estas poderão ter nas suas práticas pedagógicas. A verdade é que o trabalho sobre as concepções de dificuldade de aprendizagem e aprendizagem pode ser um instrumento muito útil para o contexto de formação de professores, tanto inicial como contínua.
The way teachers view learning disabilities may influence greatly how they assess, respond to, and proceed under those circumstances. Within the research on teachers’ individual conceptions, the aim of the present study was to identify and describe teacher’s conceptions about learning disabilities from an elementary school in the municipality of Almada, the teachers staff is composed by 14 teachers. For data collection, we used the electronic questionnaire “Teachers’ Individual Conceptions about Learning Disabilities” completed online (Google Docs). Data analysis was based on preexisting assessments of conceptions about learning (Marton, Dall’Alba & Beaty, 1993), conceptions about learning disabilities (Gonçalves, 2002), and assessments of learning disabilities (Cruz, 1999). Results showed that, in a small group of teachers in the same school, it is possible to observe a large variability of responses regarding conceptions, both on learning and on learning disabilities. These teachers also differ deeply on types of learning disabilities that they observed in the class, to which they state different reasons. Teachers also reported a wide range of strategies to overcome and support those learning disabilities. The present study aims to emphasize the need to study and understand teachers’ individual conceptions about learning and learning disabilities, pointing out possible implications on their teaching practices. In fact, studying the conceptions on learning and on learning disabilities may be a very useful tool for both initial and continuous teacher training.
Description: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia da Educação e da Orientação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4936
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039646_tm.pdf806.34 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE