Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/4953

Título: Crenças e atitudes parentais : relação com os comportamentos preventivos e com a cárie precoce da infância
Autor: Costa, Vânia Salomé Gomes da
Orientador: Barros, Maria Luísa, 1957-
Goes, Ana Rita
Palavras-chave: Cárie dentária - prevenção
Parentalidade
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: O presente estudo pretende contribuir para a compreensão da influência das crenças e atitudes parentais sobre a saúde oral na concretização dos comportamentos preventivos e na presença de cárie. O objectivo principal consiste em estudar a relação entre crenças, atitudes e comportamentos relatados pelos pais acerca das crianças em relação à escovagem bidiária e controlo na ingestão de açúcar, e a presença de cárie precoce da infância observada. Com o estudo das propriedades psicométricas chegaramse a valores de consistência interna aceitáveis nas subescalas e factores à semelhança do estudo original. A presença de cárie mostrou ser independente dos comportamentos preventivos e do nível de escolaridade da mãe na amostra. A maioria dos pais revelaram crenças e atitudes positivas em relação à cárie precoce da infância e relatavam comportamentos preventivos. Os resultados das observações clínicas de saúde oral mostraram que a maioria das crianças não apresentava cárie precoce da infância. Foram encontradas associações significativas entre os resultados da auto-eficácia parental na escovagem e no controlo do consumo de açúcar e o decorrer do comportamento escovagem duas ou mais vezes por dia. Os resultados de auto-eficácia no controlo do açúcar associaram-se com o comportamento ingestão de bebidas açucaradas em menos de uma ou duas vezes por semana e os resultados das crenças no controlo externo associaram-se com a ingestão de alimentos antes de adormecer menos de uma ou duas vezes por semana. Os resultados de auto-eficácia parental mostraram-se relevantes para a concretização de comportamentos preventivos na cárie precoce da infância.
The aim of this present study is to contribute to the understanding of the influence of parental beliefs and attitudes about oral health in the implementation of preventive behaviors and the presence of caries. The main objective is to study the relationship between beliefs, attitudes and behaviors reported by parents about children in relation to twice tooth brushing and control in sugar snacking and the presence of early childhood caries. With the study of psychometric properties we had acceptable internal consistency on the subscales and factors like in the original study. The presence of caries was independent of preventive behaviors and level of education of the mother in the sample. Most parents showed positive attitudes and beliefs about early childhood caries and reported preventive behaviors. The results of oral health clinical observations showed that most children did not have early childhood caries. Significant associations were found between the results of parental self-efficacy in brushing and control of sugar snacks and tooth brushing behavior during the two or more times per day. The results of self-efficacy in controlling sugar snacks associated with eating behavior of sugary drinks in less than one or two times a week and the results of the external control beliefs were associated with food intake before going to sleep less than once or twice a week. The results of parental self-efficacy were relevant to the implementation of preventive behaviors in early childhood caries.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica da Saúde e da Doença), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4953
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039679_tm.pdf634,47 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE