Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5056

Title: Projectos futuros e atitudes vocacionais dos alunos do 9º ano de uma escola secundária de Cabo Verde
Authors: Cardoso, Sebastião Sanches
Advisor: Janeiro, Isabel Nunes, 1960-
Keywords: Adolescência
Orientação vocacional
Percepção de barreiras
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Abstract: As escolhas vocacionais são momentos importantes no ciclo do desenvolvimento humano, sendo particularmente relevantes as que ocorrem ainda na adolescência. Em Cabo Verde são escassos os estudos sobre o desenvolvimento vocacional e os projectos vocacionais dos jovens cabo-verdianos. O presente estudo tem como objectivo analisar as atitudes vocacionais e a construção de projectos futuros de adolescentes. Para tal, foram inqueridos 100 alunos de 9º ano de escolaridade de uma escola secundária de Cabo Verde, dos quais 45 são rapazes e 55 raparigas. Esses alunos responderam o questionário sociodemográfico, o Inventário de Desenvolvimento de Carreira, a Escala de Atribuição para Carreira e uma versão adaptada do Inventário de Percepção de Barreira na Carreira. Os resultados mostraram que a maioria dos participantes apresenta projectos, variando no grau de especificação. As raparigas foram mais específicas nos seus projectos. Nas atitudes de planeamento e exploração vocacional as diferenças de género não foram significativas. A análise das crenças atribucionais para a carreira permitiu observar diferenças mais significativas de género, na subescala causalidade interna associado ao fracasso, diferença esta, favorável aos rapazes. Nas percepções de barreiras, a diferença mais significava entre raparigas e rapazes verificaram-se na variável: restrição de oportunidades. Por fim, discute-se a importância da orientação vocacional e apresenta as limitações e implicações do estudo.
Vocational choices represent important moments in the cycle of human development and it’s one of the most striking tasks particularly during adolescence. In Cape Verde there are lacking of studies concerning the vocational development and vocational projects of young Cape Verdeans. The present study aims to analyze the vocational attitudes and the construction of adolescent future projects. To this end, there were inquired 100 students from the 9th grade of a secondary school in Cape Verde, of whom 45 are boys and 55 girls. These students answered a sociodemographic questionnaire, a Carrer Development Inventory, a Career Attributional Scale and an adapted version of the Inventory of Perceived Career Barrier. The results showed that most participants presented projects, varying in the degree of specification. Girls were more specific in their projects. When it comes about the attitudes of planning and career exploration gender differences were not significant. The analysis of attributional beliefs for career has cleared that the most significant differences of gender stood in the subscale of internal causality associated with failure, once this difference standout for the boys. Regarding perceived barriers, the most significants differences between girls and boys were seen on the variable: opportunity restrictions. Finally, we discuss the importance of vocational guidance and present the implications and limitations of this study.
Description: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia da Educação e da Orientação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/5056
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039699_tm.pdf3.25 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE