Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5078

Título: "Juízes" da vinculação : construção de um inventário de avaliação da vinculação em crianças institucionalizadas
Autor: Ramos, Clara Filipa da Silva
Orientador: Moreira, João Manuel, 1964-
Palavras-chave: Vinculação
Crianças institucionalizadas
Inventários - Psicologia
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: Esta investigação teve como principal objectivo a construção de um inventário de avaliação da vinculação de crianças institucionalizadas, com a sua figura familiar de referência - o Inventário de Observação de Vinculação em Crianças Institucionalizadas (IOVCI). Para analisar a validade dos dados fornecidos pelo inventário, recorreu-se à aplicação da Attachment Doll Story Completion Task (ASCT), para avaliar a vinculação de crianças ( = 40), entre os 4 e os 11 anos. Na amostra do estudo, de acordo com os dados obtidos com a ASCT, o padrão de vinculação predominante era o desorganizado, tanto em termos de valor absoluto, como na comparação com uma amostra de crianças em meio familiar. Verificou-se ainda uma associação positiva entre a idade e a segurança da vinculação. Na análise factorial do inventário identificaram-se sete factores relevantes, que permitiram estabelecer as seguintes escalas: 1) Comportamentos de segurança; 2) Comportamentos negativos/desorganização; 3) Vinculação segura; 4) Sensibilidade; 5) Procura de proximidade; 6) Porto seguro; 7) Comportamentos de evitação. O estudo correlacional destas escalas com a ASCT evidenciou a validade de algumas, nomeadamente das escalas 1, 2, 5 e 7. O nível de consistência interna é elevado para as primeiras cinco escalas. Para as escalas 6 e 7, esse valor é moderado. Na análise do acordo inter-observadores, apenas a escala 1 não atinge um nível de acordo razoável. Tendo em conta estes dados, é fundamental a continuação da investigação com o IOVCI, para aperfeiçoar a sua organização e estrutura, e aumentar a sua validade. Uma vez que existe uma escassez de instrumentos deste tipo, este inventário, apesar das suas limitações, pode ter um potencial prático útil no contexto de acolhimento institucional de crianças.
The main goal of this investigation was to construct an inventory to assess the attachment relationship of institutionalized children to their biological family reference figure – the Inventário de Observação de Vinculação em Crianças Institucionalizadas (IOVCI; Observational Inventory of Attachment in Institutionalized Children). To evaluate the validity of the scores provided by the inventory, the Attachment Doll Story Completion Task was employed to assess attachment in children ( = 40) between 4 and 11 years old. According to the results of the Attachment Doll Story Completion Task, in the study sample, the disorganized pattern was the most prevalent, both in absolute terms and when compared to a sample of family-raised children. A positive association between age and attachment security was also found. In the factor analysis of the inventory, seven relevant factors were identified and allowed for the establishment of the following scales: 1) Secure behaviours; 2) Negative behaviours/disorganization; 3) Secure attachment; 4) Sensitivity; 5) Proximity seeking; 6) Safe Haven; 7) Avoidance behaviours. The correlational study of these scales with the ASCT confirmed the validity of some of the scales, particularly 1, 2, 5 and 7. The first five scales have a high level of internal consistency, but for scales 6 and 7 it is only moderate. In the analysis of inter-observer agreement, only scale 1 fails to achieve a reasonable level of agreement. Considering these data, it is essential to continue research with this inventory, to develop its organization and structure, and to improve its validity. Given that there is a scarcity of instruments of this kind, this inventory, in spite of its limitations, can have potential practical utility in the context of children institutionalization.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Sistémica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/5078
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039707_tm.pdf788,36 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia