Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5101

Título: Diferenciação do self : diferenças entre pais e filhos adolescentes e relação com o ambiente familiar
Autor: Neves, Catarina Duarte
Orientador: Narciso, Isabel, 1962-
Prioste, Ana
Palavras-chave: Ambiente familiar
Self
Sistemas familiares
Relação pais-filho adolescente
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: O presente estudo exploratório tem como finalidades: 1) analisar a relação entre a diferenciação do Self e a percepção do ambiente familiar, 2) investigar as diferenças entre as dimensões da diferenciação do Self dos pais e dos filhos adolescentes, e 3) verificar a existência de diferenças nas dimensões da diferenciação do Self, em função do sexo e do grupo etário dos filhos adolescentes. A investigação é composta por duas amostras: pais com filhos adolescentes e filhos adolescentes, de famílias nucleares intactas com filhos adolescentes entre os 15 aos 19 anos. A amostra de pais é constituída por 189 indivíduos e a amostra de filhos adolescentes é constituída por 333 indivíduos. A análise dos resultados foi realizada com recurso ao software PASW Statistics 18.0 for Windows, tendo-se concluído que: a) o Ambiente Familiar relaciona-se positivamente com as dimensões Fusão com Outros e Posição do Eu e negativamente com as dimensões Corte Emocional e Reactividade Emocional, na amostra dos adolescentes; b) o Ambiente Familiar relaciona-se negativamente com as dimensões Corte Emocional e Reactividade Emocional, na amostra dos pais com filhos adolescentes; c) existe uma diferença significativa na dimensão Fusão com Outros, quando comparadas as dimensões da diferenciação do Self dos pais com a dos filhos; d) existem diferenças significativas nas dimensões Reactividade Emocional, Fusão com Outros e Posição do Eu, em função do sexo, na amostra dos pais; e) existem diferenças significativas nas dimensões Reactividade Emocional e Posição do Eu, em função do sexo, na amostra dos filhos adolescentes; e f) existe uma diferença significativa na dimensão Fusão com Outros, em função dos grupos etários dos adolescentes.
The present exploratory study has as its purposes: 1) examination of the relationship between differentiation of Self and perception of family environment, 2) investigation of the differences between the dimensions of the differentiation of the Self of parents with adolescents children and of adolescents, and 3) verify the differences in the dimensions of differentiation of the Self, by gender and age group of adolescents. The investigation consists of two samples: the parents with adolescents children and adolescents, in intact nuclear families with teenage children aged 15 to 19 years old. The parents sample consists of 189 individuals and the sample of teens consists of 333 individuals. The analysis of the results was performed using the PASW Statistics 18.0 software for Windows, and it was concluded that: a) the Family Environment correlates positively with the Fusion With Others and the I-Position dimensions, and negatively with the Emotional Cutoff and Emotional Reactivity dimensions, in the adolescent sample; b) the Family Environment relates negatively with the dimensions Emotional Cutoff and Emotional Reactivity, in the parents with adolescents children sample; c) there is a significant difference in the Fusion With Others dimension, when we compare the dimensions of the differentiation of the Self of parents and adolescents; d) there are significant differences in the Emotional Reactivity, Fusion With Others and I-Position dimensions, based on gender, in the parents sample; e) there are significant differences in the Emotional Reactivity and I-Position dimensions, based on gender, in the teenage children sample; and f) there is a significant difference in the Fusion With Others dimension, depending on the age groups of the adolescents.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Sistémica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/5101
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039681_tm.pdf3,22 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE