Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5136

Título: (Des)construindo o puzzle da satisfação sexual : significações de indivíduos heterossexuais em coabitação
Autor: Nunes, Inês Vigário
Orientador: Narciso, Isabel, 1962-
Palavras-chave: Satisfação sexual
Conjugalidade
Satisfação conjugal
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: No presente estudo exploratório, pretende-se explorar as significações associadas à definição de satisfação sexual para indivíduos com relação de conjugalidade em coabitação. Com isto, espera-se contribuir para a investigação em sexualidade através da criação de uma base de conhecimento sobre as significações mais salientes na compreensão da satisfação sexual. A sexualidade e conjugalidade são conceitos associados, consequentemente, o seu estudo pressupõe a exploração de dimensões complexas através duma perspectiva sistémica e ecológica, considerando aspectos individuais, relacionais, sexuais e contextuais. A investigação é assim, organizada no sentido de mapear as peças relevantes no puzzle da satisfação sexual, partindo da voz dos participantes. Para tal, esta investigação recorre a uma metodologia qualitativa, baseada num paradigma construcionista de recolha e análise interpretativa de dados. A amostra consiste em 681 indivíduos, tendo sido objecto de estudo as suas significações atribuídas à satisfação sexual. Estas foram analisadas quanto à sua saliência no universo de respostas e, ainda, de acordo com três critérios: (1) sexo dos participantes; (2) faixas etárias – jovens adultos (20-35 anos), adultos (35-50 anos) e adultos a partir da meia-idade (+50 anos); e (3) indicação de presença ou ausência de dificuldade sexual; mapeando as diferenças entre sub-amostras. As significações referentes à Relação Sexual e Relação Conjugal foram as mais salientes na amostra total, evidenciando-se esta última nas respostas femininas. A Intimidade, tanto conjugal como sexual, e o Prazer destacaram-se também como significações relevantes para o total da amostra. Foram encontradas, ainda, possíveis associações entre significações que poderão ser exploradas em futuras investigações.
In the current exploratory study, our aim is to explore the significations attributed to the definition of sexual satisfaction for cohabiting spouses. With this in mind one aims to contribute to the ongoing investigation in the broader field of sexuality through the creation of a knowledge base or databank on the most influential significations in terms of understanding the meaning of sexual satisfaction. Sexuality and marital life are interconnected concepts, therefore their study assumes the exploration of complex dimensions through a systemic and ecologic approach with personal, relational, sexual and ultimately contextual aspects taken into consideration. Thus, the research herein developed is organized in such a way so as to map the relevant pieces of the sexual satisfaction puzzle according to the participants' expression or voice. With this purpose under aim this research uses a qualitative approach, bearing in mind the constructivist paradigm of data gathering and analysis. The sample used consists of 681 individuals queried on the significations given by them to sexual satisfaction. The replies have been treated according to their weight amongst the universe of replies as well as according to three main criteria: (1) Participants' sex; (2) Age range – young adults (20-35 years old), adults (35-50 years old) and middle-aged adults and onwards (50+ years old); (3) The presence or absence of sexual difficulties. The difference between sub-samples has also been taken into consideration and mapped out as well. The significations concerning sexual relationship and marital relationship stood out as being the most important amongst the universal sample, especially amongst feminine replies. Intimacy, both sexual and marital, and Pleasure also stood out as relevant significations in the total sample. Plausible associations between significations have been also found and pointed out and may be used for future investigations in the field of research at hand.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Sistémica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/5136
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039721_tm.pdf553,53 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE