Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
Departamento de Educação (FC-DE) >
Centro de Investigação em Educação (FC-DE-CIE) >
GI Educação, Desenvolvimento e Formação (FC-DE-CIE-GIEDF) >
FC-DE-CIE-GIEDF - Comunicações >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5264

Title: Atitudes dos alunos face a si próprios e aos comportamentos de profissionalidade docente: Um estudo com alunos do 5.º e 7.º anos de escolaridade
Authors: Tavares, Carla
Veiga, Feliciano
Keywords: Atitudes face a si-próprio
Autoconceito
Profissionalidade docente
Issue Date: 2006
Publisher: CIEFCUL
Citation: Actas VI Simpósio Nacional de Investigação em Psicologia
Abstract: O presente estudo teve como objectivo geral analisar as atitudes dos alunos face a si-próprios e aos comportamentos de profissionalidade docente. Especificamente, foram colocadas as seguintes questões de estudo: Como se distribuem os alunos pelas atitudes face a si-próprios, em termos de discordância versus concordância com o item? Como se distribuem os alunos pelas avaliações que fazem dos comportamentos de profissionalidade docente atribuídos aos professores, em termos de discordância versus concordância com o item? Que relação existe entre as dimensões das atitudes dos alunos face a si-próprios e as avaliações que fazem dos comportamentos de profissionalidade docente? Que relação existe entre factores escolares específicos (rendimento escolar, percepção de apoio dos professores, aspirações escolares) e as atitudes dos alunos, quer face a si-próprios quer face aos comportamentos de profissionalidade docente? Quais as dimensões, quer do autoconceito quer da profissionalidade, que mais contribuem para a explicação do rendimento escolar? Como se diferenciam os alunos do 5º e do 7º ano, quer no autoconceito quer na avaliação da profissionalidade docente? Quais são as dimensões, quer do autoconceito quer da profissionalidade, que mais contribuem para a explicação do rendimento escolar dos alunos? A amostra foi constituída por 723 alunos, de ambos os sexos, do 5º e do 7º anos. Foram utilizados, como instrumentos, o Piers-Harris Children’s Self-concept Scale, a Escala de Representações dos Alunos acerca dos Comportamentos de Profissionalidade Docente e a Escala de Apoio Emocional dos Professores. A análise dos resultados permitiu observar que a maioria dos alunos apresentava atitudes positivas, quer face a si-próprios quer face aos comportamentos docentes, e encontrar relações entre as dimensões do autoconceito, as dimensões dos comportamentos de profissionalidade docente e as variáveis escolares em estudo. Os resultados aproximam-se de estudos prévios, foram interpretados numa perspectiva cognitivo-social e sugerem novas investigações.
Description: Este artigo baseia-se num estudo realizado para a obtenção do grau de Mestre em Educação do primeiro autor, cuja dissertação foi apresentada na Universidade de Lisboa, com o mesmo título, sendo orientada pelo segundo autor.
Peer Reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/10451/5264
Appears in Collections:FC-DE-CIE-GIEDF - Comunicações

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Atitudes dos alunos face a si próprios e aos comportamentos de profissionalidade docente.pdf80.53 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE