Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/533
Título: Que lugar para os trabalhadores de origem africana no mercado de trabalho em Portugal:análise do impacto das "novas" vagas de imigração
Autor: Pereira, Sónia
Orientador: Malheiros, Jorge Macaísta, 1966-
Palavras-chave: Imigração
Mercado de trabalho
Oferta e procura
Teses de doutoramento
Data de Defesa: 2009
Resumo: O panorama da imigração em Portugal alterou-se no final da década de 90 do século XX com a entrada no país de um número expressivo de imigrantes oriundos do Leste da Europa e do Brasil. Nessa data, o colectivo de imigrantes cabo-verdianos, até então o mais numeroso, perdeu a sua posição relativa face aos grupos de imigrantes ucranianos e brasileiros. Esta alteração, no volume e composição da mão-de-obra disponível em Portugal, terá também modificado as opções de contratação dos empregadores, com potenciais impactos na situação laboral dos imigrantes de origem africana. A questão do impacto da entrada de novos fluxos de imigrantes no mercado de trabalhotem merecido uma grande atenção por parte da academia, sobretudo na vertente dosefeitos para trabalhadores nacionais, incluindo minorias étnicas em posição dedesvantagem (caso dos afro-americanos nos Estados Unidos), designadamente pelapossibilidade de conflito que encerra. No entanto, é para outros trabalhadores imigrantes que estes impactos são potencialmente maiores, e, no caso português, a população africana residente foi colectivamente percebida como a mais vulnerável face às novas vagas. O trabalho de investigação desenvolvido recorreu a dados do lado da procura e da ofertade trabalho para reflectir sobre os efeitos subjectivos e objectivos no acesso aoemprego, nos níveis salariais, nas condições de trabalho e na mobilidade geográfica sentidos pelos imigrantes de origem africana neste contexto. Apurou-se que estes efeitos foram distintos por sector de actividade, e para homens e mulheres, e que não se verificaram imediatamente após a entrada, mas foram-se desenrolando ao longo do tempo, tendo sido também influenciados pela conjuntura económica.
The scenery of Portuguese immigration underwent substantial changes at the end of the 1990s as a result of the inflow of a large number of immigrants from Eastern Europeand Brazil. At this point, the Cape-Verdeans, until then the largest immigrant group inthe country, lost their relative position to the newly arrived. This alteration in thevolume and composition of the available workforce also changed the hiring options available to employers, with potential impacts in the labour market situation of African workers. The question of the impact of new immigrant arrivals in the labour market has receivedsignificant attention in academia, however, this has been mostly directed to the impactof immigrants on native workers, including national ethnic minorities (for exampleAfro-Americans who have been regarded as particularly vulnerable in this context), dueto the conflict potential it entails. Yet, it is for other immigrant workers, already in thecountry, that impact is most likely to occur. In the Portuguese case, the African population was collectively considered to be particularly vulnerable to this inflow. The research project developed for this PhD resorted to data from the demand and thesupply side of the labour market to identify and reflect upon the subjective andobjective effects access to jobs, wages, working conditions and geographic mobility -of this inflow for African immigrants in the country. The research shows that effectswere different according the industry in which they worked, and thus to men andwomen, and that they were not immediate but developed over time, being also affected by the economic background.
Descrição: Tese de doutoramento, Geografia (Geografia Humana), 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000566972
http://hdl.handle.net/10451/533
Aparece nas colecções:FL - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
20244_ulsd_re507_TD.pdf3,82 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.