Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Medicina (FM) >
FM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5534

Título: O duplo padrão sexual no masculino : uma perspectiva transgeracional portuguesa
Autor: Marques, Nuno Miguel Heitor de Matos Mendes, 1981-
Orientador: Vieira, Rui Xavier, 1950-
Palavras-chave: Sexualidade
Sexo
Comportamento sexual
Satisfação pessoal
Preconceito
Teses de mestrado - 2012
Issue Date: 2011
Resumo: A relação entre géneros tem condicionado a expressão da sexualidade ao longo das diversas épocas históricas. A presente investigação visa analisar a evolução do fenómeno de duplo padrão sexual e relacioná-lo com o conceito de satisfação sexual, no que concerne ao caso português. Para tal, foram comparadas duas amostras do sexo masculino, com homens dos 20 aos 30 anos e dos 40 aos 50 anos, avaliando-se a possibilidade de um certo “efeito de geração” na transmissão de padrões sexuais. Os resultados mostraram que, contrariamente ao que era esperado, a satisfação sexual não estará relacionada com a defesa pessoal do duplo padrão sexual, e também que nos encontramos num período de abandono do duplo padrão sexual em favor dum padrão mais igualitário entre ambos os sexos. Porém, tal transição tem sido feita muito lentamente uma vez que, embora ambos os grupos reconheçam a existência social do duplo padrão sexual, os homens mais jovens revelam estar mais apegados ao duplo padrão sexual relativamente aos homens mais velhos. Tais resultados podem ser vistos à luz dum certo receio masculino acerca da emancipação da mulher, e também de uma certa necessidade de normatividade social. Por fim, são apontadas algumas sugestões para a intervenção clínica, considerando os resultados obtidos.
The relationship between both genders has conditionated different ways concerning the expression of sexuality. This investigation analyzed the evolution of the sexual double standard and its relations with sexual satisfaction, concerning the Portuguese context. To do so, two different male samples were compared : one aged within 20-30 years and the other aged within 40-50 years, considering the possibility of a certain “transgerational effect” in transmitting sexual standards. The results show that sexual satisfaction is not correlated with the social acceptance of the sexual double standard, and that we are in a time of transition concerning the latter: we are abandoning the sexual double standard in order to establish a more igualitarian one. However, this transition has not been made on an effortless way: although both groups recognize the social pervasiveness of the sexual double standard, younger men are more attached to the sexual double standard, when compared to older ones. Such results can be seen in a way of a certain “masculine fear” about women’s emancipation, and the need of a social adequateness. In the end, some suggestions are made considering the results.
Descrição: Tese de mestrado, Sexualidade Humana, Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa, 2012
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/5534
Appears in Collections:FM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
637917_Tese.pdf1,31 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia