Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/5582
Título: Introdução: a arte perversa de Edgar Allan Poe
Autor: Gato, Margarida Vale de, 1973-
Lima, Maria Antónia
Palavras-chave: Literatura americana - séc.19 - História e crítica
Poe, Edgar Allan, 1809-1849 - Crítica e interpretação
Gótico na literatura
Data: 2010
Editora: Centro de Estudos Anglísticos da Universidade de Lisboa
Citação: Anglo-Saxonica: Revista do Centro de Estudos Anglísticos, nº1
Relatório da Série N.º: 3ª;
Resumo: E se Edgar Poe, esse autor americano tão fora do seu tempo e espaço, e por isso tão pouco dado a efemérides, tivesse sido atormentado não só pelo vício do álcool, mas também pelo vício da sua arte? A questão estará em saber se esse segredo nunca revelado – procurado na insondável negritude dos abismos, nos turbilhões do mar, nos enterros prematuros, nas experiências de morte antecipada, nos extremos de sofrimento provocados por instrumentos de tortura, por actos de vingança, por amores trágicos ou por impulsos perversos gratuitos – não estaria talvez muito próximo da revelação implícita, em muitos dos seus contos, de que a arte pode matar, não tendo a sua ficção outra saída que não fosse iniciar-se como uma arte do crime.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/5582
ISSN: 0873-0628
Versão do Editor: http://www.ulices.org/publicacoes-anglo-saxonica/blog.html
Aparece nas colecções:CEAUL/ULICES - AS - Série III - nº 1 – 2010

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
0873-0628_2010-001-000_00009-00016.pdf87,42 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.