Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/5778
Título: Ecologia e conservação do lobo (Canis lupus, L.) no noroeste de Portugal
Autor: Álvares, Francisco, 1971-
Orientador: Fonseca, Francisco Petrucci, 1953-
Palavras-chave: Lobo
Ecologia espacial
Ecologia trófica
Conservação das espécies
Portugal
Teses de doutoramento - 2012
Data de Defesa: 2011
Resumo: O Noroeste de Portugal apresenta uma heterogeneidade de habitats e uma elevada pressão humana, o que impõe um desafio à conservação do lobo. Este trabalho pretendeu obter o diagnóstico dos parâmetros populacionais e ecológicos relativos ao lobo e delinear uma estratégia para a sua conservação, através de um estudo de longa duração e com uma abordagem metodológica multidisciplinar. Os resultados obtidos demonstraram: i) um importante núcleo populacional, estimado em 89 lobos/ano; ii) uma acentuada dinâmica de extinção-recolonização ao nível local, sustentada por um número reduzido de alcateias-fonte com elevado sucesso reprodutor e situadas no Parque Nacional da Peneda-Gerês; iii) uma progressiva diminuição do número de alcateias reprodutoras ao longo de século XX e até 2005; iv) uma forte incidência de mortalidade por causas humanas em toda área de estudo e período temporal analisado; v) uma elevada fidelidade espacial traduzida por distâncias de dispersão curtas e pelo uso regular dos locais de reprodução ao longo de várias décadas; vi) uma elevada dependência trófica de animais domésticos, principalmente de quatro espécies pecuárias e onde os equinos possuem um papel proeminente devido à sua elevada selectividade; vii) que as alcateias que recorrem | necrofagia como estratégia de obtenção de alimento apresentam áreas vitais inferiores às exibidas por alcateias com hábitos predatórios; viii) um dos maiores impactos económicos da predação que se encontram documentados mas com uma reduzida magnitude social; ix) uma forte componente cultural do lobo junto das comunidades rurais, reflectida por exemplo, na arquitectura rural, tradição oral e na medicina tradicional. Os resultados obtidos permitiram caracterizar, de forma abrangente, este núcleo populacional de lobo que sobrevive numa estreita relação com a actividade humana. Tal possui importantes implicações na conservação aplicada, a qual deve assegurar a viabilidade populacional, a redução do conflito com humanos e a investigação aplicada à gestão.
North-western Portugal is characterized by increased habitat heterogeneity and high levels of human pressure, which pose a challenge to wolf conservation. This study aimed at providing a thorough account of wolf demographic and ecological parameters in this region, through the application of a long-term, multidisciplinary approach, in order to propose a detailed conservation strategy for this carnivore. The results obtained indicate: i) the existence of an important population nucleus, estimated at 89 wolves/year; ii) a marked extinction-recolonization dynamic at a local level, sustained by a low number of source packs with a high reproductive success, situated in Peneda-Gerês National Park; iii) a gradual reduction of the number of reproductive packs throughout the 20th century and until 2005; iv) a high mortality due to human causes in all the study area and throughout the temporal period analyzed; v) a high degree of spatial fidelity, reflected in short dispersion distances and the regular use of the same reproduction sites during several decades; vi) a high trophic dependency on domestic animals, mainly on four livestock species, among which equines are of central importance, being positively selected; vii) a visible reduction of home range in packs with scavenging habits, as compared to hunting packs; viii) one of the highest economic impacts documented due to predation, but of reduced social magnitude; ix) a strong cultural component of the wolf in rural communities reflected, for example, in rural architecture, oral tradition and traditional medicine. The results obtained allowed the comprehensive characterization of this wolf population, which survives in tight coexistence with human activities. This fact bares important implications for the applied conservation of this protected species, which should focus on guaranteeing the population viability, promoting the reduction of wolf-human conflict and endorsing management-directed scientific research.
Descrição: Tese de doutoramento, Biologia (Biologia da Conservação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/5778
Aparece nas colecções:FC - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd062227_td_Francisco_Alvares.pdf29,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.