Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/584

Título: Noite e dia da mesma luz:aspectos da poesia de Eugénio de Andrade
Autor: Bertolazzi, Federico, 1973-
Orientador: Morão, Paula, 1951-
Palavras-chave: Poesia portuguêsa
Poética
Estética
Identidade
Crítica genética
Análise literária
Teses de doutoramento
Andrade, Eugénio de,1923-
Issue Date: 2009
Resumo: Este estudo articula-se em duas partes. Na primeira aproximámo-nos da obra de Eugénio de Andrade na perspectiva de uma análise da sua estética e poética, visando esclarecer as implicações com o tópos da infância, que se torna fonte de inovação da linguagem literária. Neste âmbito surgem também as questões relativas à prática literária como exemplo de rigor formal e, por conseguinte, do seu aporte ético no seio da sociedade. Para entrançar uma rede de correspondências textuais e iluminar aspectos da reflexão estética e da prática poética de Eugénio de Andrade são aqui convocados Martin Heidegger, Giambattista Vico e Giorgio Agamben. Na segunda parte aplicámos a metodologia da crítica genética para descrever os processos de formação de textos considerados exemplares. São analisadas todas as variantes dos poemas intitulados Todas as águas e Como pólen , documentos que se encontram no espólio de Eugénio de Andrade. Em seguida, a análise foca o conjunto dos Primeiros Poemas, fruto da reelaboração de textos juvenis primeiro renegados e depois passados mais de trinta anos sobre a sua primeira publicação , reacolhidos na obra canónica.
Questo studio si articola in due parti. Nella prima abbiamo avvicinato l'opera di Eugénio de Andrade nella prospettiva di un'analisi della sua estetica e della sua poetica, cercando di chiarire le implicazioni con il topos dell'infanzia, che diviene fonte di innovazione del linguaggio poetico. In questo ambito sorgono anche le questioni relative alla pratica letteraria come esempio di rigore formale e, di conseguenza, della sua portata etica in seno alla società. Per intrecciare una rete di corrispondenze testuali e illuminare aspetti della riflessione estetica e della pratica poetica di Eugénio de Andrade sono qui convocati Martin Heidegger, Giambattista Vico e Giorgio Agamben. Nella seconda parte abbiamo applicato la metodologia della critica genetica per descrivere i processi di formazione di testi ritenuti esemplari. Vengono analizzate tutte le varianti delle poesie intitolate Todas as águas e Como pólen , documenti che si trovano nel fondo Eugénio de Andrade. Di seguito l'analisi si centra sulla raccolta dei Primeiros Poemas, frutto della rielaborazione di testi giovanili prima rinnegati e poi dopo trent'anni dalla loro prima pubblicazione , accolti nuovamente nell'opera canonica
Descrição: Tese de doutoramento, Estudos de Literatura e de Cultura (Estudos Portugueses), 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000562937
http://hdl.handle.net/10451/584
Appears in Collections:FL - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
19727_ulsd_re480_Federico_TeseDout.pdf168,17 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE