Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Instituto de Geografia e Ordenamento do Território (IGOT) >
IGOT - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/5986

Título: Avaliação da capacidade de instalação de telhados verdes na cidade de Lisboa com recurso a SIG e detecção remota
Autor: Leandro, Alexandre Miguel Matos Capela Campos,1974-
Orientador: Pereira, Ana Ramos,1953-
Palavras-chave: Sistemas de informação geográfica
Telhados verdes - Lisboa (Portugal)
Espaços verdes - Lisboa (Portugal)
Ecologia urbana
Relatório de estágio de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: relatório de estágio desenvolvido com vista à obtenção de grau de Mestre em Geografia Física e Ordenamento do Território, visa demonstrar que a cidade de Lisboa tem aptidão potencial para a construção de “telhados verdes”, os quais podem melhorar o ambiente citadino através de benefícios energéticos, ambientais e económicos, e o possível crescimento de áreas verdes nesta cidade. Para alcançar aquele objectivo geral, identificaram-se os edifícios que reuniam as condições ideais para a implementação de telhados verdes ou “green roofs” na cidade de Lisboa e consequentemente, o aumento dos seus espaços verdes. São, por isso, objectivos específicos: (i) Identificar os edifícios com coberturas que não sejam de alvenaria; (ii) Identificar as áreas da cidade onde é possível a construção dos telhados verdes; (iii) Correlacionar as áreas com espaços verdes na cidade de Lisboa com a potencial área de construção dos telhados verdes. Para atingir os objectivos específicos mencionados foi utilizada uma imagem QuicKbird-2 de uma área da cidade de Lisboa, o que permitiu, com recurso a ferramentas de detecção remota e Sistemas de Informação Geográfica, identificar os diferentes tipos de cobertura dos edifícios urbanos, podendo estes serem potenciais candidatos à construção de “green roofs” em Lisboa.
ABSTRACT: This report developed aiming to obtain a Master degree in Physical Geography and Spatial Planning, in order to demonstrate that the city of Lisbon has potential ability to "green roofs" construction which can improve the city environment through energy environmental and economic benefits, and the possible growth of green areas in this city. To achieve this global objective, have been identified the buildings that fulfilled the conditions for the implementation of "green roofs" in Lisbon and, consequently, an increase of the city green areas. Therefore, they are specific objectives: (i) To identify the buildings with roofs are not masonry; (ii) To identify the areas of the city where it is possible the construction of green roofs; (iii) To correlate the areas of green spaces in the city Lisbon area with the potential construction of green roofs. To achieve the specific objectives above mentioned, it was used a Quickbird-2 image of an area of Lisbon, which allowed, using the tools of remote sensing and Geographic Information Systems, to identify different types of coverage of urban buildings that may be considered potential candidates for the construction of "green roofs" in Lisbon.
Descrição: Relatório de estágio de mestrado, Geografia -Geografia Física e Ordenamento do Território, Universidade de Lisboa, Instituto de Geografia e Ordenamento do Território, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/5986
Appears in Collections:IGOT - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
igotul001420_tm_errata.pdfErrata195,61 kBAdobe PDFView/Open
igotul001420_tm.pdfTese8,4 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE