Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Instituto de Educação (IE) >
IE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/6149

Título: A metamorfose do processo de auto-avaliação : estudo numa escola de 3º Ciclo e Ensino Secundário da Península de Setúbal
Autor: Cabaço, Maria Helena Cacho Teodoro, 1956-
Orientador: Rodrigues, Pedro, 1958-
Palavras-chave: Avaliação da educação - Portugal
Auto-regulação
Auto-avaliação
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: A autonomia das escolas, por via da descentralização do poder decisório da administração educativa para o interior das próprias escolas, atribui a estas a responsabilidade pela melhoria contínua do seu serviço educativo. A melhoria pressupõe a realização da auto-avaliação de escolas - de forma sistemática, criando ou adoptando referenciais para identificação de níveis de realização de objectivos de desempenho, dos seus pontos fracos e fortes, constrangimentos e oportunidades de melhoria, recorrendo, para o efeito, a modelos mais ou menos estruturados, criados ou adaptados pela escola ao seu contexto - e a consequente elaboração de um plano de acção com vista à melhoria. O objectivo central da investigação consistiu em obter dados empíricos, em conformidade com a problemática e subjacente a um contexto de avaliação, que permitissem compreender “a auto-avaliação de escolas”, circunscrita à acção dos seus actores: como a conceberam, implementaram e dela se apropriaram como componente intrínseca e necessária à melhoria, promotora do desenvolvimento profissional e institucional. O estudo de investigação incidiu sobre o modo como decorreu o processo de auto-avaliação numa escola de 3º Ciclo e de Ensino Secundário, descrevendo a sua evolução, ao longo dos anos lectivos de 2008-2009 a 2010-2011, como resultado de uma aprendizagem organizacional sem a qual não teria sido possível a sua operacionalização. A investigação baseou-se numa metodologia qualitativa, de tipo estudo de caso, inscrita no paradigma interpretativo. Optou-se por um tipo de pesquisa mais exploratória, seguindo um procedimento do tipo indutivo, dando relevo ao contexto da descoberta. Concluímos que a auto-avaliação de escola, como dispositivo de “prestação de contas” é algo que vem de fora e se impões como um corpo estranho à escola. Enquanto processo interno, a auto-avaliação torna-se aceite e desejada quando compreendida e participada. A mudança ocorre quando a capacidade de desenvolvimento profissional e organizacional se realiza colectivamente.
The school autonomy through decentralization of decision making in the educational administration to the interior of schools, assigns to the schools themselves the responsibility for continuous improvement of its educational service. The improvement involves the realization of self-assessment of schools - in a systematic way, creating or adopting benchmarks to identify levels of achievement of performance targets, their strengths and weaknesses, constraints and opportunities for improvement, using for this purpose, the models more or less structured, created or adapted by the school to its context - and the consequent development of an action plan with the aim to improve. The aim of the research was to obtain empirical data, in accordance with the underlying problem and an evaluation context, allowing to understand "the self-assessment of schools," limited to the actions of their players: how it was designed, implemented and appropriated as intrinsic and necessary component to achieve improvement, promoting the professional and institutional development. The research study focused on the self-assessment process in a school of the 3rd cycle and secondary education, describing its evolution over the academic years 2008-2009 to 2010-2011, as a result of an organizational learning without which its operationalization would not have been possible. The research was based on a qualitative methodology, the case study, enrolled in the interpretive paradigm. The option relayed on a more exploratory type of research, following a procedure of inductive type, emphasizing the context of discovery. The conclusion is that self-assessment of the school as a device of "accountability" is something that comes from outside and stands as a foreign body to the school. As an internal process, self-assessment becomes accepted and welcome, when understood and shared. The change occurs when the capacity of professional and organizational development is carried out collectively.
Descrição: Tese de mestrado, Ciências da Educação (Avaliação em Educação), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/6149
Appears in Collections:IE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039979_tm_Anexo_17.pdf798,87 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_16.pdf702,88 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_15.pdf527,76 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_14.pdf1,27 MBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_13.pdf642,87 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_12.pdf440,57 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_11.pdf385,99 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_10.pdf159,73 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_9.pdf1,15 MBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_8.pdf194,66 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_7.ppt5,08 MBMicrosoft PowerpointView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_6.ppt506 kBMicrosoft PowerpointView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_5.pdf92,83 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_4.pdf105,19 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_3.pdf38,35 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_2.pdf141,32 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_Anexo_1.pdf803,69 kBAdobe PDFView/Open
ulfpie039979_tm_tese.pdf2,6 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia