Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/6207

Título: Proposta de manutenção e preservação do Lago de Campo Grande em relação com a qualidade da água
Autor: Alfonso, Luis Felipe Cala, 1981
Orientador: Boavida, Maria José de Lemos, 1948-
Palavras-chave: Qualidade da água
Limnologia
Fitoplâncton
Zooplâncton
Lagos
Campo Grande - Lisboa
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: O lago de Campo grande, localizado na freguesia de Campo Grande, no município de Lisboa, é um lago artificial, pouco profundo (profundidade máxima 1.20 m) encontra-se sempre cheio de água, as actividades metabólicas do lago são constantes devido à presença de grande quantidade de zooplâncton (cladocera, rotifera, copépoda, entre outros) que filtram a água consumindo o fitoplâncton constituído principalmente pela comunidade das algas bacillariophyceae (diatomáceas), Dynophyceae, e chlorophyceae (verdes) e de facto a biomassa é regularizada de forma geral. O estudo decorreu de Outubro de 2010 a Julho de 2011 e monitorizou varias variáveis e parâmetros limnológicos no lago (transparência, cor, temperatura, oxigénio, condutividade, fitoplâncton, zooplâncton, quantidade de clorofila e fósforo total) para determinar o estado trófico do lago, sendo este um estudo pioneiro pretende-se marcar uma pauta para futuros estudos que visem a qualificação dos lagos urbanos. Os resultados permitiram determinar o estado trófico do lago, também para propor uma solução em relação a sua preservação e manutenção não só por factores biológicos, também para o cuidado do ecossistema envolvente na zona.
The Campo Grande lake, located in Campo Grande parish, in the city of Lisbon, is an artificial lake, shallow (maximum depth 1.20 m) is always full of water, the metabolic activities of the lake are constant due to the presence of large amounts zooplankton (cladocerans, rotifers, copepods, etc.) that filter the water consuming the phytoplankton community, consists mainly of algae Diatoms, Dynophyceas, and green algae and the biomass is regulated in general. The study began from October 2010 to July 2011 and monitored several limnological variables and parameters in the lake (Transparency, color, temperature, oxygen, conductivity, phytoplankton, zooplankton, chlorophyll content and total phosphorus) to determine the trophic state of the lake. How is the first study that makes the lake of Campo Grande, we intend to make an improve for future studies aimed at qualification of urban lakes. The results give an idea of the current state of the lake eutrophication level and possible solutions for their preservation and maintenance not only by biological factors, also for the care of the ecosystem in the surrounding area.
Descrição: Tese de mestrado. Biologia (Ecologia e Gestão Ambiental). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/6207
Appears in Collections:FC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfc092918_tm_luis_alfonso.pdf1,6 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia