Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/6222

Title: Interacções socio-culturais e o ambiente de geometria dinâmica na aprendizagem da matemática: 5º e 8º ano
Authors: Amâncio, Silvani Queiroz
Advisor: Matos, João Filipe, 1950-
Keywords: Interacções socio-culturais
Ambiente de geometria dinâmica
Aprendizagem da matemática
Comunicação
Cooperação/ Colaboração e Negociação
Teses de mestrado - 2009
Issue Date: 2009
Abstract: Pretendeu-se com este trabalho analisar de que forma os Ambientes de Geometria Dinâmica (AGD), como potencializadores da aprendizagem da Matemática, nomeadamente no que diz respeito ao conteúdo da Geometria, favorecem as interacções socio-culturais entre os participantes, considerando o indivíduo como um ser social, em aprendizagem contínua e interpessoal. Para direccionar, compreender e nortear o problema desta investigação, elaborei as seguintes questões: (a) Como é que a utilização do AGD estimula a comunicação no processo de interacção entre os alunos e entre estes e a professora; (b) No decorrer das actividades como se processam as interacções entre professor/aluno e aluno/aluno e, qual o papel dos participantes no decorrer das actividades? (c) Que competências matemáticas foram aprendidas a partir das interacções da turma com o AGD? As informações recolhidas foram sistematizadas mediante estudo de caso da turma, de forma a dar resposta ao objectivo principal desta investigação: analisar as interacções socioculturais entre os participantes, especificamente no que se refere à comunicação, cooperação/colaboração e negociação, no momento em que estes estão a utilizar o software (GeoGebra), para resolverem as actividades. O estudo de caso apresenta como intervenientes nas actividades em AGD os alunos do 5.º ano de escolaridade, as professoras de Matemática e de Estudos Acompanhados da turma e a investigadora. A abordagem centrou-se nos aspectos socio-culturais, afectivos, cognitivos, durante a análise dos processos de interacção entre os alunos e entre estes e a professora de Matemática, seguindo uma metodologia de estudo de caso, que visa a utilização de instrumentos de recolha de dados, nomeadamente, a observação (naturalista e participante), o diário de bordo, os questionários, as entrevistas (espontânea e estruturada) e os trabalhos escritos dos alunos. Os resultados adquiridos, advindos da análise dos conteúdos recolhidos na turma, permitiu analisar as interacções entre os intervenientes no estudo. A partir da análise dos dados, conclui-se que o AGD trabalhado em conjunto com outros recursos de comunicação (Moodle, DataShow e a Internet) promove uma maior interacção entre os participantes, propiciando um ambiente de descobertas; a partir da utilização do AGD pelos alunos do 5º ano, houve maior gosto pela Matemática; os efeitos da comunicação no processo de interacção e significação em AGD, apoiados nas inter-relações de cooperação/colaboração e negociação entre os intervenientes, a fim de alcançar um nível de satisfação e cumprimento das tarefas, valorizando os factores sociais, afectivo e cognitivos, são importantes para uma aprendizagem significativa; o papel do professor passou de passivo para activo, passou de transmissor de conhecimento para orientador/ mediador do processo de cognição, consoante a sua percepção da experiência; para a professora o factor tempo é um empecilho para a prática inovadora em contexto de sala de aula, onde a comunicação e a negociação são essenciais para tais práticas; que o papel do aluno, para além da rotina de sala de aula, num contexto inovador do ensino da Geometria, desenvolveu novas responsabilidades na tentativa de concluir a tarefa, embora tenha apresentado, aparentemente, um interesse em estar no computador; as actividades realizadas no estudo, sustentadas pela utilização da plataforma Moodle, podem desenvolver competências a nível curricular (no caso deste estudo os conteúdos de Ângulos, Polígonos e Triângulos), a nível da utilização do computador (Word, Moodle e Internet), a nível de software (GeoGebra), a nível social (inter-relações de cooperação e colaboração), a nível cognitivo (comunicação e negociação), incluindo a comunicação matemática escrita e oral.
The intention of this work was to examine how the Dynamic Geometry Environments (AGD) as enhancers of learning mathematics, particularly as regards the content of geometry, favoring the socio-cultural interactions among participants, considering the individual as a social being in continuous learning and interpersonal. To direct, guide and understand the problem in this research, I prepared the following questions: (a) How does the use of the AGD encourages communication in the process of interaction among students and between teacher and (b) In the course of operations, to process the interactions between teacher / student and student / student and the role of participants in the ongoing activities? (c) What mathematical skills were learned from the interactions of the class with the AGD? The information gathered was systematized through a case study of the class in order to meet the target of this investigation: to analyze the socio-cultural interactions among participants, specifically with regard to communication, cooperation, collaboration and negotiation at the moment they are using the software (GeoGebra), as educational resource, solving activities. The case study shows as participants in the activities of AGD, 5.th grade students, the teachers of mathematics and studies accompanied the class and the researcher. The approach focused on the socio-cultural, emotional, cognitive, during the analysis of processes of interaction among students and between them and a professor of mathematics, using a methodology of case study, which covers use of tools to collect data, in particular, the observation (naturalistic and participant), the logbook, questionnaires, interviews (structured and spontaneous) and the written work of students. The results obtained, resulting from the analysis of the contents collected in the class were allowed to analyze the interactions between actors in the study. From the data analysis, it is concluded that AGD worked together with other communications (Moodle, Data Show and the Internet) promotes greater interaction among participants, providing an environment of discovery, from the use of the AGD students in the 5th year, a greater taste for mathematics, the effects of communication in the process of interaction and meaning in Dynamic Geometry Environment, supported the inter-relations of cooperation, collaboration and negotiation between parties to achieve a level of satisfaction and performing the tasks, valuing the social, emotional and cognitive, are important for a meaningful learning, the teacher's role changed from passive to active, changed from knowledge transmitter to mentor / mediator in cognition, depending on their perception of experience, the teacher time factor is an impediment to innovative practice in the context of the classroom, where communication and negotiation are essential for such practices, the role of the student, in addition to the routine of the classroom context innovative teaching of geometry has developed new responsibilities in an attempt to complete the task, although its apparently an interest in being on the computer, the activities undertaken in the study, supported by the use of Moodle, can develop skills in curriculum (in case study the contents of angles, triangles and polygons), the level of computer use (Word, Internet and Moodle), the level of software (GeoGebra), the social (inter-relations of cooperation and collaboration), at cognitive (communication and negotiation), including communication mathematics and writing.
Description: Tese de mestrado, Educação (Didáctica da Matemática), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2009
URI: http://hdl.handle.net/10451/6222
Appears in Collections:FC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfc095731_tm_ Silvani_Amâncio.pdf30.02 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE