Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/6366
Título: Gago Coutinho (1869-1959), geógrafo e historiador : uma biografia científica
Autor: Pinto, Rui Miguel da Costa, 1962-
Orientador: Domingues, Francisco Contente, 1959-
Palavras-chave: Coutinho,Gago,1869-1959
Geógrafos - Portugal - séc.19-20
Navegação astronómica
Navegação (Aeronaútica)
Teses de doutoramento - 2012
Data de Defesa: 2011
Resumo: Carlos Viegas Gago Coutinho foi um brilhante oficial da marinha que se distinguiu no campo da geodesia, das comunicações, da navegação e da historiografia. Procedeu a um trabalho exaustivo de delimitação de fronteiras coloniais e de geodesia em Timor, Congo, África Ocidental e Oriental, São Tomé e Príncipe. Atravessou o continente africano por duas vezes a pé (cerca de 5200 Kms2 de Angola a Moçambique). Demarcou mais de 2000 km de fronteira utilizando o pedómetro e a bússola, e realizou trabalhos de triangulação em áreas superiores a 800 km2. As suas constantes observações astronómicas demonstraram a passagem da linha do equador pelo Ilhéu das Rolas, e não entre ele e São Tomé como até então se pensava. Criou com Sacadura Cabral o ―”Plaqué de abatimento” convertendo-se depois em ―”Corrector de Rumos”. Produziu uma revolução na navegação aérea com a adaptação do sextante, com horizonte artificial. De 30 de Março a 17 de Junho de 1922 realizou com Sacadura Cabral a primeira travessia Aérea do Atlântico Sul entre Lisboa e o Rio de Janeiro. Em 1925 foi nomeado Presidente da Comissão de Cartografia, já que era o seu vogal mais antigo e o com maior número de trabalhos apresentados. No início da década de 30 foi convidado pela companhia aérea alemã Dornier para fazer parte da tripulação do enorme hidroavião Do X como co-navegador, numa viagem à América do Sul, onde se empregou o seu sextante. Com 74 anos, empreende uma viagem ao Brasil a bordo do veleiro "Foz do Douro" durante 105 dias, percorrendo 8740 milhas. Na presente investigação pretendemos dar a conhecer a vida de Carlos Viegas Gago Coutinho, nomeadamente aspectos até agora menos conhecidos, recorrendo-nos de documentação existente em arquivos, bibliotecas e colecções particulares em boa parte inédita.
Admiral Carlos Viegas Gago Coutinho was a brilliant naval officer that distinguished himself in the fields of geodesy, communications, navigation and as a historian. He worked intensely in the definition of colonial borders and geodesy in Timor, Congo, West and East Africa and São Tomé e Príncipe. He crossed the African continent on foot, twice (covering about 5200 Kms2 from Angola to Moçambique). Gago Coutinho set more than 2000 Kms of borders using a pedometer and a compass, and laid down triangulations in areas of more than 800 km2. His minute and intensive astronomical sightings demonstrated that the equator passes through the Ilhéu das Rolas, and not between it and São Tomé, as was conventionally accepted. In a joint venture with Sacadura Cabral, they created the ―”Plaqué of Drift”, later converted to the ―”Course Corrector”. He revolutionized aerial navigation by adapting a sextant with an artificial horizon. From the 30th of March to the 17th of June 1922, along with Sacadura Cabral, he established the first aerial crossing of the South Atlantic between Lisbon and Rio de Janeiro. In 1925, Gago Coutinho was appointed President of the Cartography Commission, being the most senior Board Member and being the author of the largest amount of published works. In the early Thirties he was invited by the German airplane builder Dornier to be the co-navigator of the crew of the huge seaplane Do X, on a voyage to South America during which his sextant was used. At the age of 74, he undertook a trip to Brazil on board the yacht "Foz do Douro", for 105 days and 8740 miles. In this study, we intend to document the life of Carlos Viegas Gago Coutinho, namely the lesser known details, by the study of existing documents in archives, libraries and private collections, most of which have been but recently available.
Descrição: Tese de doutoramento, História (História da Expansão e dos Descobrimentos Portugueses), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/6366
Aparece nas colecções:FL - Teses de Doutoramento



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.