Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/6527

Título: A pintura do azulejo em Portugal [1675-1725]:autorias e biografias - um novo paradigma
Autor: Carvalho, Rosário Salema de, 1975-
Orientador: Serrão, Vítor, 1952-
Correia, Ana Paula Rebelo
Palavras-chave: Teses de doutoramento - 2012
Issue Date: 2012
Resumo: A cronologia da presente dissertação remonta ao último quartel do século XVII, assim incluindo as primeiras produções azulejares integralmente executadas a azul e branco, e prolonga-se pelos primeiros vinte e cinco anos do século XVIII, que correspondem, sensivelmente, ao Ciclo dos Mestres, período assim designado em função da qualidade pictórica e de integração arquitectónica então alcançadas. Na primeira parte reúnem-se as informações conhecidas e descobertas ao longo deste estudo sobre os diversos intervenientes activos na concepção, produção e aplicação de um revestimento cerâmico, ou seja, azulejadores, oleiros e pintores. No que diz respeito aos pintores, pretendeu-se reavaliar a sua obra e as atribuições que a História da Arte portuguesa tem vindo a fazer. Para tal, os conjuntos azulejares assinados ou documentados foram objecto de um estudo pormenorizado, que constituiu a base de apreciação das obras atribuídas, propondo-se então um modelo flexível que arrume os revestimentos identificados num sentido mais amplo e aberto, e que não faça corresponder à força os painéis de azulejo aos pintores conhecidos. Até porque os artistas eram certamente muitos mais do que os nomes que hoje se conhecem, e os colectivismos e colaborações verificados, as réplicas, as variantes temáticas, as receitas permanentemente retomadas, etc., dificultam em muito uma compartimentação por autores. Por fim, discutem-se algumas questões relativas à pintura do período em estudo. A segunda parte, que resulta da análise e discussão dos dados da primeira parte e anexos, acompanha o processo de realização de um revestimento cerâmico, desde a encomenda, passando pelo projecto, continuando na feitura e preparação dos azulejos, na pintura, e na aplicação, terminando com a recepção da obra. Discute-se ainda o papel do azulejador, como se processava a pintura, quais as fontes de inspiração, nomeadamente a gravura e a sua utilização, explorando-se também a ligação do azulejo à arquitectura e a narratividade inerente aos conjuntos cerâmicos. Em suma, pretende-se obter uma visão global do que foi a produção azulejar do final do século XVII e do primeiro quartel do século XVIII, nas suas diversas vertentes.
The chronology of this PhD dissertation goes back to the last quarter of the 17th century, including the first examples of azulejos (tiles) fully executed in blue and white, and continues during the first twenty five years of the 18th century. This period correspondes, generally, to the Ciclo dos Mestres (Master’s Cycle), a designation based on the exceptional quality of the painting and on the architectural integration achieved. The first part of the dissertation puts together the information already well known and the new one that was discovered during this study, about the team working actively during the conception, production and application of azulejos, i.e, azulejos-maker(s) (azulejadores),potter(s) and painter(s). Regarding the painters, we intended to re-evaluate the Portuguese Art History attributions. In this sense, the azulejos signed or documented were specially considered, and they were the base for the appreciation of the attributed azulejos. We propose a flexible model that allows to organize the azulejos in situ and the panels in a more open way, not forcing the identification of the painters. There were certainly much more than those we know today, and the collective ways of working, the collaborations, the themes replicated and so on, makes the organization by authors very difficult. Finally, we discuss some questions about the azulejos painting during the period studied. The second part, which results from the analysis and discussion of the data from the first part and the attachments, pretends to follow the different procedures for application of the azulejos in the buildings for which they were conceived. It includes the order, the project, the manufacturing and preparation of azulejos, the painting, the application, and ends with the reception or the perception of the work by the contemporaries. Meanwhile, we discuss the importance of the azulejador, how the painting was done, what were the visual sources that inspired the painters, namely, engravings and their use, exploring, as well, the integration in architecture and the sense of narrativity intrinsic to the way Portuguese used azulejos. Summarizing, we want to present a global perspective about the production of azulejos between the end of the 17th century and the first quarter of the 18th century, including all its different aspects.
Descrição: Tese de doutoramento, História (História da Arte), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/6527
Appears in Collections:FL - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulsd062916_td_anexo_d.pdf1,71 MBAdobe PDFView/Open
ulsd062916_td_anexo_c.pdf70,92 MBAdobe PDFView/Open
ulsd062916_td_anexo_b.pdf231,18 MBAdobe PDFView/Open
ulsd062916_td_anexo_a.pdf518,95 kBAdobe PDFView/Open
ulsd062916_td_tese.pdf209,29 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE