Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/6790
Título: O povoamento no Baixo Vale do Tejo: entre a territorialização e a militarização: meados do século IX - início do século XIV
Autor: Leitão, André de Oliveira
Orientador: Fernandes, Hermenegildo,1964-
Varandas, José Manuel Henriques,1963-
Palavras-chave: Povoamentos humanos - Portugal (Centro) - séc.09-14
Portugal - História - séc.09-14
Teses de mestrado - 2011
Data de Defesa: 2011
Resumo: O estudo que empreendemos visou compreender a evolução das estruturas de povoamento na região do Baixo Vale do Tejo, situadas em torno da cidade de Lisboa e do seu espaço de influência regional, na margem Norte do Tejo. Foi nosso objectivo detectar estruturas de povoamento, fossem elas muçulmanas (como a qura ou a ḍay‘a) ou cristãs (a vila, a paróquia, o casal ou a herdade). A região sobre a qual nos debruçámos corresponde, grosso modo, à área de influência de Lisboa: a Estremadura Austral. Para Norte, o curso do Safarujo constitui a nossa barreira até chegar à Serra de Montachique; a partir daí, o limite é definido por uma linha recta que parte em direcção a Vila Franca e à lezíria do Tejo. Em termos cronológicos, o nosso estudo terá como terminus a quo o século IX, data dos mais antigos testemunhos escritos por nós colhidos relativos ao Ġarb al-Ândalus; como terminus ad quem, o ano de 1321, data da realização do «rol das igrejas» do Reino de Portugal, e que constitui um marco na compreensão da estruturação do espaço nacional. Os dois marcos temporais assim estabelecidos definem um período durante os quais o Baixo Vale do Tejo foi, por várias vezes, um espaço de liminaridade, de fronteira entre diversas formações políticas, e para as quais a guerra constituiu um modo de ser de duas sociedades em confronto e, posteriormente, um espaço de intenso povoamento. Em termos de fontes, procedemos à consulta de materiais tanto muçulma-nos como cristãos: em ambos os casos, fontes de tipo cronístico; relativamente ao pri-meiro, kutūb como os dicionários geográficos ou biográficos foram também consultados para a pesquisa, e no tocante ao segundo, os livros das chancelarias régias, arquivos de casas monásticas que detinham propriedades na região em causa e instrumentos nota-riais.
ABSTRACT: This project aims to study the evolution of the settlements in Tagus Lower Valley, located around the city of Lisbon and its core area of influence, on the Northern bank of the river. Our purpose is mainly the identification of the settlements around the city, such as the muslim qura ou ḍay‘a, and the Christian village, parish, „casal‟ or „her-dade‟. The studied region roughly corresponds to the area of influence of Lisbon: the Southern Estremadura. To the North, the course of Safarujo river is our barrier, up to the Serra de Montachique; thereafter, the limit is defined by a straight line in the direc-tion of Vila Franca and the lezíria of Tagus. In chronological terms, our study began in the 9th century (date of the most an-cient written records concerning the Ġarb al-Andalus), and ended in 1321, with the roll of the parish churches of the Portuguese kingdom – a period of time during which the Lower Tagus Valley was, several times, a frontier space, the border between two differ-ent societies, for which the war was a way of life, as well as a space of settlement. In terms of sources, we‟ve consulted both Christian and Muslim sources: in both cases, chronicles; in the Muslim case, kutūb such as geographical or biographical dic-tionaries; in the Christian case, the royal chancery, the monastic archives, notarial in-struments and so forth.
Descrição: Tese de mestrado, História Medieval, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/6790
Aparece nas colecções:FL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfl105410_tm.pdf2,76 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.