Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Reitoria (REIT) >
REIT - Teses de Doutoramento (Registos) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/7108

Título: A integração da calculadora gráfica no ensino da matemática: estudo sobre as práticas curriculares de professores do ensino secundário
Autor: Rocha, Helena Cristina Oitavem Fonseca da
Orientador: Teixeira, Ana Paula Canavarro, 1962-
Ponte, João Pedro da, 1953-
Palavras-chave: Calculadoras gráficas
Ensino da matemática
Professores do ensino secundário
Práticas curriculares
Issue Date: 2012
Resumo: Este estudo pretende contribuir para documentar como o professor utiliza a calculadora gráfica no ensino da Matemática do secundário, bem como compreender o seu conhecimento para ensinar Matemática com a tecnologia (CEMT) e a influência deste sobre a integração que é feita da calculadora. O quadro teórico incide sobre o conhecimento profissional e sobre a calculadora gráfica, merecendo particular destaque o modelo do CEMT, desenvolvido no decurso deste trabalho. Este modelo adopta quatro domínios base de conhecimento (Matemática, ensino-aprendizagem, currículo e tecnologia), dois conjuntos de conhecimentos inter-domínios (Matemática, tecnologia e currículo – MTC, e ensino-aprendizagem, tecnologia e currículo - EATC) e um conhecimento integrado (CI), que engloba e articula o conhecimento de todos os domínios e que se desenvolve de forma interactiva e dinâmica em relação com a prática. O estudo segue uma abordagem metodológica de natureza qualitativa e interpretativa, com a realização de estudos de caso de duas professoras do ensino secundário, com recolha de dados através de entrevistas semi-estruturadas, observação de aulas e recolha documental. A análise de dados foi orientada pelo quadro teórico e, mais especificamente, pelo modelo do CEMT, conciliado com a interpretação dos dados de cada professora. As duas professoras envolvidas no estudo detêm um CEMT bastante desenvolvido, embora com níveis distintos, que se reflecte nas respectivas práticas de ensino da Matemática. A professora com um CEMT de nível avançado propõe na aula um conjunto de tarefas com características muito diversificadas e usa de forma bastante completa as potencialidades da calculadora na sua resolução, nomeadamente na articulação entre representações das funções e no apoio ao trabalho de natureza exploratória dos alunos. Os diferentes níveis de conhecimento das professoras traduzem-se também em diferentes ênfases sobre os domínios do conhecimento, com a professora com um CEMT de nível intermédio a revelar uma tendência para privilegiar um ou outro dos conhecimentos inter-domínios.
This study aims to describe the practices of secondary mathematics teachers using the graphing calculator in classroom and to understand the influence of teachers‟ knowledge for teaching mathematics with technology (KTMT) on the graphing calculators‟ integration. The theoretical framework focuses on the professional knowledge and on the graphing calculator, and emphasises the KTMT model developed during this study. This model adopts four basic areas of knowledge (mathematics, teaching and learning, curriculum, and technology), two sets of inter-domain knowledge (mathematics, technology, and curriculum – MTC, and teaching and learning, technology, and curriculum – TLTC) and an integrated knowledge (IK). The later includes and articulates the knowledge of all other domains and develops in a dynamic and interactive way in and from practice. This study adopts a qualitative and interpretative methodological approach, undertaking two teacher case studies. Data were collected by semi-structured interviews, class observation, and documental data gathering. Data analysis was conducted combining the theoretical framework and the categories that emerged from the interpretation of data collected for each teacher. Both teachers revealed to have a developed KTMT, but with different levels, and this knowledge is reflected in their mathematics teaching practices. The teacher with a KTMT more advanced level proposes to her class a diversity of mathematical tasks and takes profit of the full potential of the graphing calculator in its resolution, namely in connecting representations of functions and supporting the exploratory work of students. The different levels of knowledge of teachers are also reflected on the areas of knowledge that they value, with the mid-level KTMT teacher revealing a tendency to focus on one of the two sets of inter-domain knowledge at a time.
URI: http://hdl.handle.net/10451/7108
Appears in Collections:REIT - Teses de Doutoramento (Registos)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulsd_RE1195_td.pdf2,76 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE