Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/711

Title: Facilitação do trabalho na família : efeito mediador na relação entre as práticas organizacionais conciliadoras e a satisfação com o trabalho
Authors: Santos, Marina Alexandra Veríssimo dos
Advisor: Chambel, Maria José, 1962-
Keywords: Psicologia dos recursos humanos
Satisfação profissional
Família
Teses de mestrado
Issue Date: 2008
Abstract: Este estudo investigou o efeito que a disponibilização, por parte das organizações, de práticas conciliadoras dos domínios do trabalho e da família tem na satisfação que os trabalhadores sentem com o seu trabalho. Por outro lado, este estudo analisou o papel que a facilitação do trabalho na família desempenha enquanto mediadora da relação entre estas variáveis. Os dados foram obtidos mediante a participação de 342 sujeitos, 171 casais, casados ou a viverem maritalmente, os quais responderam a um questionário. Os participantes estavam empregados numa grande variedade de profissões e organizações. Os dados demonstraram que a facilitação do trabalho na família explica uma quantidade única significativa de variância associada com a satisfação com o trabalho, acima e para além da variância explicada pela disponibilização de práticas conciliadoras. Assim, os resultados suportaram a hipótese de que a facilitação do trabalho na família medeia a relação entre a disponibilização de práticas conciliadoras e a satisfação com o trabalho. Deste modo, os resultados salientam o papel importante que a facilitação do trabalho na família desempenha na determinação da reacção dos empregados, em termos de satisfação, às práticas organizacionais conciliadoras do trabalho e da família, apresentando assim uma explicação sobre o mecanismo pelo qual os benefícios amigos da família têm um impacto positivo nos trabalhadores.
The present study researched the effect that the availability, by organizations, of conciliators practices of work and family domains have in the job satisfaction felt by workers. On the other hand, this study examined the role that work-to-family facilitation play as mediator of the relationship between these variables. The data was gathered from 342 subjects, 171 couples, married or living in marital conditions, who responded to a survey. The respondents were employed in a variety of occupations and organizations. The results demonstrated that the work-to-family facilitation explain a significant amount of unique variance associated with job satisfaction, above and beyond the variance explained by the availability of conciliators practices. In this way, the results supported the hypothesis that work-to-family facilitation mediates the relationship between the availability of conciliators practices and job satisfaction. The results underscore the important role that work-to-family facilitation play in determining employees reactions, in terms of job satisfaction, to conciliators practices of work and family domains offered by organizations, presenting an explanation about the mechanism by which the family-friendly benefits have a positive impact in employees.
Description: Tese de mestrado integrado em Psicologia (Secção de Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações), apresentada à Universidade de Lisboa através da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2008
URI: http://hdl.handle.net/10451/711
Appears in Collections:FPCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
17501_Monografia_Marina_Santos.pdf665.65 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE