Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Instituto de Educação (IE) >
GI Formação de Adultos (IE-GIFA) >
IE - GIFA - Artigos em Revistas Internacionais >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/7331

Título: Jovens e adultos trabalhadores pouco escolarizados no Brasil e em Portugal: alvos da mesma lógica de conformidade
Autor: Rummert, Sonia Maria
Alves, Natália
Palavras-chave: Educação de jovens e adultos
Políticas públicas
Trabalho e educação
Estudos comparados Brasil e Portugal
Issue Date: 2010
Citação: Revista Brasileira de Educação, v. 15, n. 45, set./dez. 2010
Resumo: O artigo analisa medidas referentes às políticas educacionais dirigidas a jovens e adultos pouco escolarizados, no Brasil e em Portugal, que, a despeito de suas diferenças, apresentam similaridades devidas a sua posição no cenário internacional, assim como se mostram receptivas às determinações emanadas por organizações supranacionais. Comum a essas organizações é a defesa de uma concepção instrumental de educação para a empregabilidade, produtividade, competitividade e coesão social. Os governos dos dois países aderiram às teses de que sua posição na divisão internacional do trabalho é resultado do baixo nível de qualificação da classe trabalhadora. A análise compreende os Programas Novas Oportunidades, em Portugal, e PROJOVEM, no Brasil, e destaca que ambos contribuem para aumentar a subordinação funcional das políticas educacionais aos interesses econômicos e para reforçar a conformidade ideológica da classe trabalhadora nos dois países.
The article analyzes measures that refer to educational policy aimed at young people and adults with little schooling in Brazil and Portugal, which, despite its differences, presents similarities due to its position on the international stage, as well as demonstrating its receptiveness to the determinations emanating from supranational organizations. These organizations have in common the defence of an instrumental conception of education for employability, productivity, competitiveness and social cohesion. The governments of both countries have adhered to the proposition that their position in the international division of work is the result of the low level of qualification of the working class. The analysis covers the New Opportunities Programme (Programa Novas Oportunidades) in Portugal and the ProJovem Programme in Brazil, and indicates that both contribute to increase the functional subordination of educational policies to economic interests and to reinforce the ideological conformity of the working class in both countries.
Arbitragem científica: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/7331
Versão do Editor: www.scielo.br/pdf/rbedu/v15n45/09.pdf
Appears in Collections:IE - GIFA - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Jovens e adultos pouco escolarizados no Brasil e em Portugal.pdf471,5 kBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia