Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/7676
Título: Dar voz aos jovens do ensino secundário : reconhecimento mútuo e construção de identidades
Autor: Machado, Elsa Maria Biscaia da Silveira, 1971-
Orientador: Freire, Isabel Pimenta, 1952-
Palavras-chave: Educação intercultural - Portugal
Poder de decisão
Identidade juvenil
Teses de mestrado - 2012
Data de Defesa: 2012
Resumo: O presente trabalho de investigação surgiu no âmbito do projeto intitulado “Vozes em diálogo para a construção de comunidades interculturais”. Desenvolveu-se numa escola pública, da periferia de Lisboa, com um grupo de jovens de décimo segundo ano do ensino secundário. Consistiu num projeto onde se valorizou a partilha e a troca de experiências, centrandose na “voz” dos jovens, ou seja nas suas falas, nas suas opiniões e interpretações das realidades sociais em que participam, base das tomadas de decisão que impulsionam o projeto. Em conjunto projetámos e desenvolvemos um processo transformador através da realização de atividades contextualizadas, de acordo com as suas dinâmicas e propostas. Trata-se então de um projeto onde se alia a investigação à intervenção no real. A finalidade da investigação é dar voz aos jovens de forma a conhecer melhor a realidade de quem vive diariamente com a multiculturalidade, compreendendo melhor as suas perspetivas e utilizando de forma mais eficaz as suas propostas para promover a educação intercultural e pretendeu: i) Conhecer o significado que os jovens em geral atribuem às suas vivências escolares, no âmbito da diversidade cultural; ii) Identificar problemas reais de convivência entre jovens alunos de meios com diversidade cultural significativa; iii) Conhecer de que forma as diferenças culturais afetam o relacionamento entre estes jovens alunos; iv) Conhecer diferentes propostas dos alunos no que se refere a atividades e dinâmicas culturais que estes considerem importantes para desenvolver o diálogo intercultural; v) Compreender a importância que os jovens atribuem a estas atividades enquanto veículo de conservação e desenvolvimento da sua cultura. Para desenvolver e concretizar a pesquisa, utilizou-se o método qualitativo de recolha de dados através da realização de entrevistas, Focus Group, antes e após a intervenção e de recolha e análise de documentos e artefactos. A técnica de tratamento de dados foi a análise de conteúdo. Dos resultados obtidos salienta-se que ser ouvido e escutar os outros contribuiu para o conhecimento de si mesmos e para melhorar as relações através da compreensão e da união dos participantes na pesquisa. No que toca ao trabalho de intervenção no terreno estes jovens demonstraram que conseguem pensar e por em prática atividades, criando as suas próprias lideranças e ultrapassando obstáculos. A sua vontade, determinação e autonomia na prossecução dos objetivos foi uma constante. Mostraram capacidade e sentido de responsabilidade, partilhando com a investigadora tarefas, e opções o que prova que quando solicitados os jovens conseguem envolver-se e tomar decisões que lhes dizem respeito a si e aos seus pares de forma democrática, contribuindo para o desenvolvimento da Educação Intercultural.
This research work appeared under the project titled "Voices in Dialogue for the Intercultural Communities´ Development". It was developed in a public school in the periphery of Lisbon with a group of students from the twelfth grade. Consisted in a project where we valued the sharing and exchange of experiences, focusing on the 'voice' of young people, in their speech, in their opinions and interpretations of the social realities in which they participate, basis of decision making that drive this project. Together we designed and developed a transformative process by by carrying out activities contextualized according to its dynamics and proposals. It is then a project where research joins intervention. The purpose of the research is to give voice to young people in order to better understand the reality of those who live daily with multiculturalism, understanding better their prospects and more effectively using its proposals to promote intercultural education and sought to: i) Know the meaning that young people generally give to their school experiences within the cultural diversity; ii) Identify real problems of cohabitation among young students with significant cultural diversity; iii) Know how cultural differences affect the relationship between these young students; iv) Knowing students' different proposals regarding the activities and cultural dynamics they deem important to develop intercultural dialogue; vi) Understand the importance that young people attach to these activities as a vehicle for development and conservation of their culture. To develop and implement research, we used the qualitative method of collecting data through interviews, focus group, before and after the intervention and the collection and analysis of documents and artifacts. The technique of data processing was content analysis.´ From the results obtained it is noted that being heard and to hear others contributed to the knowledge of themselves and to improve relationships through the understanding and the union of the participants in the research. Regarding the intervention work these young people have shown that they can think of and put into practice activities, creating their own leadership and overcoming obstacles. Their will, determination and autonomy in pursuit of goals were a constant. Showed ability and sense of responsibility, sharing with the researcher tasks and options, which proves that when requested young people can get involved and make decisions that affect themselves and their peers in a democratic way, contributing to the development of the Intercultural Education.
Descrição: Tese de mestrado, Ciências da Educação (Educação Intercultural), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/7676
Aparece nas colecções:IE - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie042951_tm.pdf3,89 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.