Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/8068
Título: O processo de integração de Emília : um estudo de caso qualitativo longitudinal sobre processos de mudança na perturbação dissociativa de identidade
Autor: Ferreira, Ana Rita Cardoso
Orientador: Conceição, Nuno Miguel Silva, 1976-
Palavras-chave: Self
Perturbação dissociativa de identidade
Estudos de caso
Mudança - psicologia
Teses de mestrado - 2012
Data de Defesa: 2012
Resumo: No âmbito das Perturbações Dissociativas, a Perturbação Dissociativa de Identidade constitui um quadro psicopatológico marcado pela extrema fragmentação do self em múltiplas partes dissociadas entre si. Os resultados terapêuticos podem variar, desde um funcionamento mais coordenado entre partes dissociadas não fundidas, ao resultado último e mais ambicioso, a completa integração entre partes anteriormente dissociadas, agora fundidas. No presente estudo, tendo como referência um estudo de caso longitudinal de uma paciente com Perturbação Dissociativa de Identidade, pretende-se explorar os elementos relatados como mais significativos no processo terapêutico. O objectivo é perceber os processos e mecanismos de mudança manifestos na paciente que sinalizam quer uma aproximação quer um afastamento ao processo de integração entre partes dissociadas (como a mudança acontece). Foi realizada uma análise qualitativa através da Grounded Theory com recurso a um registo de diário, ao longo de 34 sessões, preenchido semanalmente em dois momentos temporais (antes e após sessão) no caso da paciente, e num momento (após sessão) no caso do terapeuta. Foram formuladas 4 categorias mães que se encontram no topo da hierarquia: (1) O Self Múltiplo Fragmentado: contemplação da dissociação; (2) A relação da Emília consigo mesma e com as partes e a relação das partes entre elas; (3) A relação da Emília e das partes com o terapeuta e com os outros; (4) Obstáculos ou bloqueios à integração entre partes do self dissociadas. Essas englobam 23 clusters de outras categorias, nas quais se incluem 84 subcategorias. Os resultados serão discutidos em termos de potenciais contribuições para prática clínica e investigação na e para além da Perturbação Dissociativa de Identidade e limitações do estudo serão apresentadas.
Under the Dissociative Disorders, Dissociative Identity Disorder to constitute a psychopathological framework marked by extreme fragmentation of the self into multiple parts separated from each other, on the ground that the therapeutic results may vary, from a more coordinated operation between dissociated parts not fused, the latest and most ambitious result, the full integration between the parties prior dissociated, now merged. In this study, with reference to a longitudinal case study of a patient with Dissociative Identity Disorder, we intend to explore the elements reported as the most significant in the therapeutic process in order to understand the processes and mechanisms of change in the patient manifests that indicate whether an approach or a departure from the integration process between dissociated parts (how change happens). We performed a qualitative analysis using Grounded Theory using a daily record of over 34 sessions, met weekly at two points in time (before and after session) in the case of the patient, and at a time (after the session) in the case of therapist. 4 categories were formulated mothers who are at the top of the hierarchy: (1) The multiple Fragmented Self: contemplation of dissociation, (2) Emília's relationship with herself and the parties and the parties' relationship between them, (3) The relationship Emília and the party with the therapist and with others, (4) barriers or blocks to integrate dissociated parts of the self. These clusters encompass 23 categories, which include 84 sub-categories. The results are discussed in terms of potential contributions to clinical practice and research in Dissociative Identity Disorder and limitations of the study will be presented.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicoterapia Cognitivo-Comportamental e Integrativa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/8068
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie043083_tm.pdf852,89 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.