Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/8120
Título: Estudo da relação entre comportamentos maternos globais e específicos e interpretações de ameaça e estratégias de coping : estudo observacional com crianças não ansiosas e crianças com elevados níveis de ansiedade
Autor: Silva, Rosa Margarida Mendanha Machado da
Orientador: Pereira, Ana Isabel de Freitas
Palavras-chave: Ansiedade
Estratégias de coping
Relação mãe-criança
Teses de mestrado - 2012
Data de Defesa: 2012
Resumo: As Perturbações de Ansiedade são as mais comuns na Infância e resultam da ativação de esquemas relacionados com a vulnerabilidade pessoal e com o perigo percecionado, que levam o indivíduo quando confrontado com estes a dirigir o seu foco de atenção e de processamento de informação para o estímulo ameaçador, podendo ocorrer distorções cognitivas. Neste trabalho dá-se atenção aos enviesamentos de interpretação da criança, às estratégias que utiliza para lidar com a situação do seu quotidiano que lhe é apresentada e ao comportamento materno. Metodologia: A amostra é constituída por 35 crianças com idades compreendidas entre os 7 e os 12 anos e respetivas mães. A avaliação da ansiedade nas crianças foi efetuada através da aplicação do Questionário SCARED-R (versão para a criança). A amostra foi dividida em dois grupos: crianças com elevados níveis de ansiedade e crianças não ansiosas. O método preferencial de recolha de dados foi a observação da interação mãe criança durante uma tarefa de discussão estruturada. Resultados: Existem diferenças significativas entre as interpretações físicas de ameaça realizadas por ambos os grupos e os planos de ação/estratégias de coping referidos por ambos os grupos. Não existem diferenças significativas entre interpretações, estratégias de coping, comportamentos globais, comportamentos maternos de modelagem para mães das crianças de ambos os grupos. Há uma relação estatisticamente significativa, negativa e de amplitude elevada entre comportamentos maternos globais de controlo e interpretação de ameaça. Conclusões: A maioria dos resultados é consistente com os dados encontrados na literatura. Este trabalho contribui para uma maior especificidade nos planos de ação/estratégias de coping.
Background: The Anxiety Disorders are the most common in childhood and result from activation schemes related to personal vulnerability and the perceived danger, leading the individual when confronted with these, direct your focus of attention and information processing for stimulus threatening, cognitive distortions may occur. In this paper attention is paid to biases in interpretation of the child, the strategies it uses to deal with the situation of your daily presented to him and maternal behavior. Methods: The sample consisted of 35 children aged between 7 and 12 years and respective mothers. The assessment of anxiety in children was performed by applying the Questionnaire SCARED-R version (for the child). The sample was divided into two groups: children with high levels of anxiety and not anxious children. The preferred method of data collection was the observation of parent child interaction during a task structured discussion . Results: Significant differences exist between the physical interpretations of threat made by both groups and action plans / coping strategies reported by both groups. There are no significant differences between interpretations, coping strategies, global behaviors, maternal behavior modeling for mothers of children of both groups. There is statistically significant, negative amplitude and high maternal behaviors between global control and interpretation of threat. Conclusions: The majority of results is consistent with data found in the literature. This work contributes to greater specificity in the action plans / strategies for coping.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia da Saúde e da Doença), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/8120
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie043191_tm.pdf1,96 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.