Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/8178
Título: Co-dependência : uma abordagem global com base na experiência clínica
Autor: Maia, Cláudia de Albuquerque Borges e
Orientador: Justo, João Manuel Rosado de Miranda, 1958-
Palavras-chave: Co-dependência
Mecanismos de defesa
Vinculação
Teses de mestrado - 2012
Data de Defesa: 2012
Resumo: O presente trabalho consiste numa reflexão teórica, baseada numa abordagem global, sobre a problemática da co-dependência, no domínio das relações conjugais com indivíduos dependentes de substâncias e tem por base a nossa experiência clínica na área do tratamento das dependências. Da revisão da literatura realizada, verifica-se que o constructo de co-dependência sofreu uma grande expansão a partir da década de 80 e nesta sequência surgiram várias abordagens teóricas. Parte dos autores considera esta problemática como uma dependência distinta de todas as outras e relacionam-na com traços de personalidade, mecanismos de defesa e estilos de vinculação característicos. Outros autores defendem que a co-dependência não é uma dependência, mas sim um comportamento reactivo à experiência de viver com um indivíduo que tem uma dependência. Do nosso ponto de vista, a co-dependência é uma problemática inserida no domínio das dependências sem substância, que partilha várias similaridades com outras dependências e que pode ser de origem endógena, fazendo parte da organização de personalidade do indivíduo ou, exógena, sendo resultado do relacionamento com um indivíduo dependente de substâncias. Propomos que as divergências encontradas em alguns estudos, no que concerne à caracterização dos traços de personalidade, mecanismos de defesa e estilos de vinculação, estão relacionadas com a ausência de diferenciação dos dois tipos de co-dependência – endógena e exógena. Salientamos a necessidade de desenvolver investigação nesta área e para tal propomos algumas hipóteses para estudo futuro. Consideramos de extrema importância que a pesquisa futura contemple os aspectos psicológicos, sociais, evolucionários, genéticos e neurobiológicos subjacentes a esta problemática.
The present work is a theoretical reflection based on a global approach, on the issue of codependence in the domain of marital relations with substance dependent individuals and it is based on our clinical experience in the treatment of substance dependence. The literature review shows that the construct of codependence underwent a major expansion in the 80´s and therefore several theoretical approaches emerged. Part of the authors consider this issue as a separate dependence and relate it with characteristic personality traits, defence mechanisms and attachment styles. Other authors argue that codependence is not dependence but a reactive behaviour of someone who lives with a person who has substance dependence. In our point of view codependence is an issue at the domain of dependences without substance, which shares many similarities with other dependencies and can be either endogenous - being part of an organization of individual's personality or, exogenous - being the result of a relationship with an individual with substance dependence. We propose that the differences found in some studies, concerning the characterization of personality traits, defense mechanisms and attachment styles are related to the lack of differentiation of the two types of codependence – endogenous or exogenous. We emphasize the need to develop research in this area and propose some hypotheses for future study. We consider extremely important that future research contemplates the psychological, social, evolutionary, genetic and neurobiological issues underlying codependence.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Dinâmica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/8178
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie043202_tm.pdf555,92 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.