Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/8321
Título: O trabalho cooperativo no ensino da economia numa turma reduzida do 11.º ano
Autor: Castro, Susana Vieira Pinto Gomes, 1971-
Orientador: Cerdeira, Luísa, 1956-
Palavras-chave: Aprendizagem cooperativa
Ensino da economia
Autonomia escolar
Relatórios da prática de ensino supervisionada - 2012
Data de Defesa: 2012
Resumo: Criatividade, flexibilidade, responsabilidade, cooperação, consciência crítica e autonomia entre outras, são competências essenciais que facultarão condições ao aluno para ser parte integrante e incrementadora do processo de construção do conhecimento, numa sociedade em acelerada evolução. O ensino da economia só fará sentido se for potenciador do conhecimento e da reflexão crítica da sociedade em que vivemos, atendendo a que a finalidade do económico é o social, criando atitudes éticas e sociais que apoiem uma intervenção refletida e efetiva. As competências sociais que se pretendem desenvolver e aplicar com maior ênfase na implementação da aprendizagem cooperativa no ensino, baseada na teoria socioconstrutivista de Vygostky, são a responsabilidade, autonomia e cooperação. A aplicação da aprendizagem cooperativa foi planificada e implementada na prática pedagógica de quatro aulas numa perspetiva qualitativa, numa turma reduzida do 11.ºano de Economia A, no pressuposto de que os grupos de aprendizagem cooperativa devem proporcionar a promoção do desenvolvimento cognitivo e social dos alunos, não como dois mundos isolados, mas sim vinculados num objetivo comum, o desenvolvimento pessoal e social do aluno. Salienta-se o enriquecimento de conhecimentos, o desenvolvimento e aplicação de competências atitudinais e cognitivas, e a ambição criada, no desenvolvimento da prática pedagógica.
Creativity, flexibility, responsibility, co-operation, critical consciousness and autonomy among others, are essential skills that will provide conditions to the student to be part of an important complement and development in the method of structure Knowledge, within a society in rapid progress. The teaching of economics will only make sense if it turns out to be the leverage of knowledge and critical reflection of the society we live in, once the purpose of the economical is the social, building up ethical and social positions which will support a thoughtful and real intervention. The social qualifications which are intended to be developed and applied with great emphasis in the fulfillment of cooperative learning in teaching, based on the social constructivist theory of Vygostky, are: responsibility, autonomy and co-operation. The new cooperative learning was planned and implemented in the pedagogical practice of four lessons, given with a qualitative perspective to a reduced class of the 11th form- Economy A, in the hope that cooperative learning groups would provide the cognitive and social development of the students, not as two isolated worlds but linked in a common purposethe student’s personal and social development. The fulfillment of knowledge, the development and the application of responsible attitude and cognitive competences , as well as, the acquired ambitions in the development of the pedagogical practice, must be pointed out.
Descrição: Relatório da prática de ensino supervisionada, Ensino de Economia e Contabilidade, Universidade de Lisboa, 2012
URI: http://hdl.handle.net/10451/8321
Aparece nas colecções:REIT - Mestrados em Ensino

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie043298_tm.pdf5,69 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.