Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/840
Título: O conselheiro de orientação profissional : formação e construção de identidade
Autor: Miguel, Alda Maria Preto
Orientador: Pires, Ana Luísa de Oliveira, 1961-
Palavras-chave: Formação de adultos - Portugal
Orientação profissional - Portugal
Aconselhamento das carreiras
Qualificações profissionais
Data de Defesa: 2009
Resumo: O Instituto do Emprego e Formação Profissional, IP, (IEFP, IP) é o serviço público de emprego nacional e tem por missão promover a criação e a qualidade do emprego e combater o desemprego, através da execução de políticas activas de emprego, nomeadamente de formação profissional (D.L. 213/2007 de 29 de Maio). Para levar a cabo as suas múltiplas e diversificadas tarefas tem, no seu quadro de pessoal, um conjunto de carreiras específicas, entre elas, a de Conselheiro de Orientação Profissional. Pela especificidade das suas funções, a formação inicial destes profissionais, decorre no IEFP, e é organizada de modo a contemplar períodos de formação teórica e períodos de formação em contexto de trabalho. O currículo de formação, enquanto corpo de saberes relevante para o desempenho profissional, assenta, essencialmente, na subordinação da formação à lógica do trabalho e na necessidade de formar para a profissão privilegiando, assim, a aquisição de um conjunto de competências necessárias ao seu exercício. A questão que se coloca é então a de entender o modo como aquela formação contribui para a construção e desenvolvimento das competências necessárias ao exercício da actividade profissional e para a construção de uma identidade profissional do Conselheiro(a) de Orientação Profissional segundo o olhar destes sujeitos, actores principais deste trabalho de investigação. As noções de alternância, competências, representações sociais e identidade profissional são, assim, as referências teóricas basilares deste estudo.Como uma formação que se sustenta em espaços distintos, a alternância corresponde ao modelo pedagógico de organização da formação inicial do Conselheiro(a) de Orientação Profissional. O conceito de competência, enquanto conceito em via de construção é analisado à luz de algumas perspectivas disciplinares. A opção pela teoria das representações sociais, enquanto produto de interacções e de fenómenos de comunicação no interior de um grupo social, justifica-se pelo facto de que, além de se encontrarem no centro das relações sociais, elas são orientadoras de condutas. Analisa-se ainda, à luz de Claude Dubar o conceito de identidade profissional, enquanto algo que se constrói na relação que aquele profissional estabelece com a sua carreira profissional, com a organização onde trabalha e com o seu grupo de pares. A perspectiva metodológica adoptada foi fundamentada nos pressupostos teóricos da abordagem qualitativa e teve por base o estudo de caso. Os procedimentos de recolha e análise da informação envolveram a utilização de fontes documentais e a aplicação de um questionário.
The Instituto do Emprego e Formação Profissional; IP, (IEFP, IP) it's the National Employment Public Service which has the goals of promoting the creation and quality of employment and decreasing the unemployment using active employment politics such as vocational training (D.L. 213/2007 de 29 Maio). To accomplish its many different tasks this Institute has on its staff specific positions as for example the Vocational Guidance Consultant . Due to the specialised nature of their jobs, the initial training of these professionals is provided by the IEFP and it's organised in a way that includes theoretical and hands on training. The training is based on the principle of training for the job and emphasises the acquisition of the necessary skills for the success of the job. So the main point of this is to try to understand how this training allows the construction and development of the necessary skills for the professional activity and how it contributes to the construction of the identity of Vocational Guidance Consultant. Due to this, concepts like alternation, skills, social representations and professional identity are the basic stones of this study. As a training that is based in distinctive spaces, the alternation corresponds to pedagogical model of the initial training organization of the Vocational Guidance Consultant. The concept of skill, as a concept work in progress is analysed through some perspective subjects. The option for the social representation theory as an interactive product and as a communication phenomenon of a social group is justified by the fact that they are the guidelines of behaviour, but also they are the core of social relationships. Analysed according to Claude Dubar, the concept of professional identity is something that is constructed with the base in the relation that these professionals establish with their careers, with the organization of the places where they work and with their peers. The methodological perspective adopted was established on the theorical presupposition of the qualitative approach and based on a case study. The information was collected and analysed using different documented sources and the application of a questionnaire.
Descrição: Tese de mestrado, Ciências da Educação (Formação de Adultos), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2009
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000566025
http://hdl.handle.net/10451/840
Aparece nas colecções:FPCE - Dissertações de Mestrado



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.