Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/855

Título: Influência das práticas parentais nas estratégias de coping e de savoring utilizadas pelos adolescentes em contexto escolar
Autor: Tristão, Nádia Andreia Alves Farinha
Orientador: Pinto, Alexandra Marques, 1963-
Palavras-chave: Práticas parentais
Coping
Adaptação escolar
Adolescência
Teses de mestrado
Issue Date: 2009
Resumo: O presente estudo foi realizado com o intuito de investigar a influência das práticas educativas parentais nas estratégias de coping utilizadas pelos adolescentes em contexto escolar e explorar o papel que assumem também nas suas estratégias de savoring. Nesse sentido adoptaram-se as perspectivas de Maccoby e Martin (1983) sobre as dimensões exigência e responsividade das práticas educativas parentais, de Seiffge-Krenke (1995) sobre coping na adolescência e de Bryant e Veroff (2007) sobre savoring. Pretendeu-se, igualmente, identificar os acontecimentos escolares associados a experiências emocionais negativas e positivas dos adolescentes e os padrões de coping e de savoring, respectivamente, por eles utilizados para gerir essas experiências emocionais. Este estudo procurou, ainda, investigar a influência das práticas parentais e das estratégias de coping e savoring na adaptação escolar. O questionário de auto-relato que operacionaliza as variáveis em estudo foi aplicado a uma amostra de 169 adolescentes portugueses, dos 7º, 9º e 11º anos de escolaridade. Os resultados obtidos indicaram que os acontecimentos escolares relacionados com os resultados académicos e com o relacionamento com os colegas em contexto escolar são privilegiados nos relatos dos adolescentes, sendo responsáveis por experiências emocionalmente positivas e negativas. As estratégias de coping activo e de procura de apoio são preditores significativos dos resultados escolares (ß=-0.17, p<0.05; ß =0.28, p<0.01) e as estratégias de savoring no seu conjunto são preditores significativos do suporte social percebido (F=3.39, p<0.05). Finalmente, a responsividade está negativamente correlacionada com a utilização de estratégias activas de coping (r=-0.17, p<0.05) e a exigência é um preditor significativo da estratégia de savoring de expressão comportamental (ß=0.21; p<0.05). Estes resultados podem contribuir para uma reflexão holística sobre a promoção do bem-estar nos adolescentes.
The current study was designed to investigate the influence of the perceived parenting practices in the coping strategies used by adolescents and to explore the role that they also assume in the savoring's strategy. For that, we used the Maccoby and Martin's (1983) perspective on parenting educational practices of demandingness and responsiveness, the Seiffge-Krenke's (1995) perspective on adolescent coping and the Bryant and Veroff's (2007) perspective on savoring. It also intends to identify the scholar events related to positive and negative emotional experiences of the adolescents and the coping and savoring's patterns which are used to manage these emotional experiences. The study also tries to investigate the influence of parenting practices and coping and savoring strategies on school's adaptation. The self report questionnaire that operationalizes the variables in study was applied to a sample of 169 Portuguese adolescents of the 7th, 8th and 9th grades. The results obtained showed that the school events related with the academic results and with the relationship between colleagues in the school context are privileged in the adolescents report, being responsible by negative and positive emotional experiences. The active and social support coping strategies are significant predictors of academic results (ß=-0.17, p<0.05; ß=0.28, p<0.01) and all the savoring strategies are a significant predictor of perceived social support (F=3.39, p<0.05). Finally, the responsiveness is negatively correlated with active coping strategies (r=-0.17, p< 0.05) and the demandingness is a significant predictor of behavioral expression savoring strategies (ß=0.21; p<0.05). These findings may contribute to a holistic reflection about adolescent's well-being promotion.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia da Educação e da Orientação), 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000559829
http://hdl.handle.net/10451/855
Appears in Collections:FPCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
19112_ulsd_dep.17751_Dissertacao_Nadia_Tristao.pdf618,61 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE