Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/872

Título: Movimentação e diferenciação narrativa ao longo do processo terapêutico no modelo de complementaridade paradigmática:um estudo de caso qualitativo longitudinal
Autor: Ferreira, Joana Fojo
Orientador: Sá, Maria Isabel Real Fernandes de, 1959-
Palavras-chave: Complementaridade paradigmática
Processo terapêutico
Teses de mestrado
Issue Date: 2009
Resumo: Há muito que se atribui às narrativas dos pacientes potencial de avaliação e de intervenção terapêuticas, sendo frequentemente consideradas o meio por excelência de reconhecimento e de reorganização da experiência interna dos pacientes. O presente estudo recorre às narrativas para analisar o funcionamento interno de uma paciente, verificar movimentos nesse funcionamento ao longo de três fases da componente sequencial de sete fases do Meta-modelo de Complementaridade Paradigmática (fases dois, três e quatro), e ensaiar a identificação de marcadores narrativos que possam auxiliar a tomada de decisão clínica fase-a-fase. São definidos, reconhecidos e analisados processos narrativos a nível molecular (a partir da revisão de literatura em narrativa) e a nível molar (a partir da teoria do modelo supra-referido). Em ambos os casos, há um esforço de afastamento em relação aos conteúdos, no sentido tradicional do termo, enfatizando as formas e capacidades de processamento da informação, privilegiando, não o que é feito em si, mas o que é feito com isso. Os resultados dão conta de diferenciação e movimentação entre as fases consideradas para processos moleculares e molares, e nestes últimos reconheceu-se um padrão de progressão narrativa de acordo com a sequencialidade proposta pelo modelo, para as fases em estudo. Discutem-se as possibilidades e a pertinência de categorizar e hierarquizar os processos narrativos, e conclui-se apontando limitações do estudo e implicações dos resultados para a teoria, treino e prática psicoterapêutica. São ainda efectuadas considerações metodológicas e sugeridas novas vertentes de investigação.
For long we have been attributing to the patients' narratives the potential of therapeutic assessment and intervention. Narratives are frequently considered the best means for recognizing and reorganizing patients' internal experience. The present study utilizes narratives to analyze the internal functioning of a patient, verify movements in that functioning a long three phases of the seven phases sequential component of the Paradigmatic Complementarity Meta-model (phases two, three and four), and rehearse the identification of narrative markers that can contribute to the clinical decision making on a phase-to-phase basis. Narrative processes are defined, recognized and analyzed at a molecular level (from the revision of literature on narrative) and at a molar level (from the theory of the model identified above). In both cases, there's the effort to get clean of the contents, in the traditional concept of the term, emphasizing the ways and capacities of information processing, privileging not what is done in itself but what is done with it. The results account differentiation and movement between the phases considered for both molecular and molar processes. On these last ones it was recognized a pattern of narrative progression according to the sequence proposed by the meta-model to the phases in study. The possibilities and pertinence of categorizing and establishing a hierarchy for the narrative processes are discussed and the study is concluded with remarks on limitations of the study and implications of the results for the theory, training and practice of psychotherapy. Methodological remarks are also made and additional research suggested.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa), 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000559910
http://hdl.handle.net/10451/872
Appears in Collections:FPCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
18764_ulsd_dep.17734_dissertacao_alternativa.pdf255,68 kBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE