Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/8849
Título: Caracterização das argamassas antigas da Igreja do Colégio de Portimão
Autor: Falcão, Sílvia Liem Tchum de Gouvêa
Orientador: Carvalho, Ana Paula Baptista de, 1959-
Cruz, António João
Palavras-chave: Argamassas antigas
Igreja do Colégio
Espectroscopia de absorção atómica
Análise gravimétrica
Difracção de raios X
Teses de mestrado - 2010
Data de Defesa: 2010
Resumo: Este trabalho apresenta o estudo de sete amostras de argamassas do interior da Igreja do Colégio em Portimão, com localização e funções distintas. Pretendeu-se, com este estudo, perceber qual a extensão dos efeitos destruidores do terramoto de 1755 nesta igreja, partindo dos relatos existentes que referem que apenas parte da cúpula terá cedido juntamente com uma cruz que figurava no frontispício desta igreja, sendo um dos objectivos do trabalho esclarecer questões relacionadas com as prováveis fases de construção e/ou reconstrução. Do mesmo modo, pretendeu-se caracterizar as argamassas do ponto de vista químico e mineralógico fornecendo informações que se espera poderem vir a ser relevantes em futuros trabalhos de conservação e/ou restauro das alvenarias interiores da igreja. A metodologia escolhida para este trabalho baseou-se em diversas técnicas analíticas, designadamente a análise química por via húmida, análise química por espectrometria de absorção atómica, análise gravimétrica e análise mineralógica por difracção de raios X. Os resultados obtidos permitiram verificar que as argamassas antigas da Igreja do Colégio foram executadas com cal aérea, supondo-se a utilização de 3 tipos de cais diferentes. As areias utilizadas na formulação destas argamassas são de natureza quartzítica, admitindo-se que vieram do mesmo local ou eventualmente de locais muito próximos entre si. Não foram detectados materiais de carácter pozolânico. O estudo efectuado permitiu igualmente determinar o possível traço das 7 argamassas, mostrando que este variou conforme a função da argamassa utilizada. Perante os resultados alcançados, tudo leva a crer que, de facto, apenas a abóbada da igreja tenha sofrido derrocada parcial, pela semelhança das características químicas e mineralógicas das argamassas determinadas.
This paper presents the study of seven samples of mortar from inside the Igreja do Colégio (College’s Church) in Portimão, with distinct location and functions. The aim of this study was to understand the extent of the destructive effects of the earthquake of 1755 in this church, on the grounds of the existing information which state that only part of the dome collapsed together with a cross that appeared on the front of this church, being one of the objectives of this work to clarify the likely stages of construction or reconstruction of this church. The methodology chosen for this study was based on several analytical techniques, including the wet chemical analysis, chemical analysis by atomic absorption spectrometry, gravimetric analysis and mineralogical analysis by X-ray diffraction The results showed that all the samples are lime mortars (pozzolanic materials were not detected), and the aggregates are of quatzitic nature (silica). It seems that the binder came from different provenances. On the other hand, the aggregates seems to have the same origin or possibly close proximity to each other. The study also provided the possible trace of the seven mortars, showing that this varied according to the function of the mortar used. Given the results, it seems that, in fact, only the dome of the church has suffered partial collapse, due to the similarity of the chemical and mineralogical characteristics of the mortars determined, confirming the information given by the art historians.
Descrição: Tese de mestrado em Química Aplicada ao Património Cultural, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2010
URI: http://hdl.handle.net/10451/8849
Aparece nas colecções:FC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc104269_tm_Silvia_Falcão.pdf3,01 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.