Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/9000
Título: Dez Anos De Práticas De Avaliação Das Aprendizagens No Ensino Superior: Uma Síntese Da Literatura (2000-2009)
Autor: Fernandes, Domingos
Fialho, Nuno
Palavras-chave: Avaliação das Aprendizagens
Práticas de Avaliação
Avaliação Formativa
Avaliação Sumativa
Pedagogia no Ensino Superior
Feedback
Data: 2012
Editora: Centro de Investigação e Intervenção Educativas da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto
Citação: Fernandes, D. e Fialho, N. (2012). Dez anos de práticas de avaliação das aprendizagens no Ensino Superior: uma síntese da literatura (2000-2009). In C. Leite e M. Zabalza (cords.), Ensino superior: Inovação e qualidade na docência, pp. 3693 - 3707. Porto: Centro de Investigação e Intervenção Educativas da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto.
Resumo: O problema desta pesquisa consistiu em sintetizar literatura publicada num período de 10 anos (2000- 2009), no domínio da avaliação das aprendizagens dos alunos, para identificar práticas associadas à melhoria do que, e como, se aprende. As sínteses de literatura constituem investigações cuja relevância é amplamente reconhecida, porque promovem a integração de trabalhos de natureza teórica e/ou de natureza empírica realizados por outros, resultando num conjunto de asserções que, em princípio, vão mais além do que a mera soma das partes analisadas. Tal como é mencionado por vários autores (e.g. Cooper, 2003; Slavin, 2004; Suri, 1999, 2002), as sínteses de literatura constituem investigações relevantes para conhecer o estado da pesquisa num dado domínio e para o “fazer avançar”. No espaço Iberoamericano e muito particularmente em Portugal, a investigação neste domínio é escassa e, por isso mesmo, pensou-se que este ponto de situação pode contribuir para informar e ajudar a desenvolver pesquisas futuras. Assim, o principal propósito desta investigação consistiu em produzir uma síntese de literatura que integrasse o que de mais essencial se pudesse afirmar acerca das práticas de avaliação das aprendizagens que se desenvolvem em contextos do ensino superior. Numa primeira fase foram identificados 63 artigos mas apenas 30, de natureza exclusivamente empírica, foram selecionados para efeitos desta investigação. A análise e a síntese da literatura revista permitiu, entre outras, elaborar as seguintes conclusões: a) as práticas de avaliação formativa, utilizando tarefas tais como relatórios, apresentações, posters e outros trabalhos escritos, estão associadas à melhoria das aprendizagens dos alunos; b) as práticas de auto e heteroavaliação contribuem de forma importante para envolver os alunos no processo de avaliação e para melhorar as suas aprendizagens; c) a avaliação de natureza formativa e criterial ajuda os alunos a compreender melhor o que são supostos aprender, orientando e regulando os seus esforços nesse sentido; e d) as práticas de avaliação formativa contribuem para desenvolver as capacidades mais complexas de pensamento dos alunos.
Descrição: Avaliação, Ensino e Aprendizagens no Ensino Superior em Portugal e no Brasil: Realidades e Perspetivas
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/9000
ISBN: 978-989-8471-05-5
Aparece nas colecções:IE - GIAE - Comunicações e Conferências

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dez anos de práticas de avaliação das aprendizagens no ensino superior.pdf212,01 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.