Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/9231
Título: Utilização do bacteriófago F44/10 na detecção de Staphylococcus aureus em feridas crónicas
Autor: Vaz, Rita Leitão Landeiro, 1988-
Orientador: Pimentel, Madalena Maria Vilela, 1961-
Santos, Mário
Palavras-chave: Microbiologia alimentar
Bacteriófagos
Staphylococcus aureos
Teses de mestrado - 2011
Data de Defesa: 2011
Resumo: Os bacteriófagos, primeiramente descritos por Felix d’Herelle, são vírus que infectam bactérias aos quais se reconhecem hoje uma variedade de aplicações. Entre estas estão a terapia fágica, em voga no inicio do seculo XX, e o desenvolvimento de métodos de detecção de bactérias patogénicas mais rápidos e específicos. Os bacteriófagos têm sido aplicados em ensaios de bioluminescência na detecção de bactérias. Este ensaio baseia-se na reacção catalisada pela luciferase, em que há emissão de luz por um composto intermedio resultante da reacção da adenosina trifosfato (ATP) bacteriana, libertado apos lise celular, com a luciferina. A intensidade da luz e proporcional a quantidade de ATP presente na amostra, que por sua vez depende da quantidade de bactérias. O uso dos bacteriófagos como agente de lise específico para detecção de bactérias por bioluminescência tem sido descrito como uma alternativa aos agentes líticos com reduzida especificidade. Neste trabalho avaliou-se a potencialidade do bacteriófago F44/10 como agente de lise especifico para detecção de Staphylococcus aureus (S. aureus). O restante texto está sujeito a acordo de confidencialidade, pelo que só esta disponível nos anexos de confidencialidade presentes na versão confidencial da tese.
Bacteriophages, first described by Felix d'Herelle, are viruses that infect bacteria and used nowadays in a variety of applications. Among these are the phage therapy, trendy in the early twentieth century, and the development of faster and more specific methods for detecting pathogenic bacteria. Bacteriophages have been applied in bioluminescence assay in the detection of bacteria. This assay is based on the reaction catalyzed by luciferase, in which there is emission of light by an intermediate compound resulting from the reaction of adenosine triphosphate (ATP), released from bacterial cell lysis, with the luciferin. The light intensity is proportional to the amount of ATP present in the sample, which in turn depends on the amount of bacteria. The use of bacteriophages as a specific lysis agent for detection of bacteria by bioluminescence has been described as an alternative to lytic agents with reduced specificity. In this work we evaluated the potential of the bacteriophage F44/10 as a specific lytic agent for detection of Staphylococcus aureus (S. aureus). The remaining text is under a confidentiality agreement, so it is only available in the annexes of confidentiality present in the confidential version of the thesis.
Descrição: Tese de mestrado. Microbiologia Aplicada. Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/9231
Aparece nas colecções:FC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc104017_tm_rita_vaz.pdf512,12 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.