Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/932

Título: Influência do clima-cultura de suporte organizacional na facilitação trabalho família : moderação do género
Autor: Vaz, Fabíola Eva
Orientador: Chambel, Maria José, 1962-
Palavras-chave: Suporte organizacional
Trabalho-família
Género
Teses de mestrado
Issue Date: 2008
Resumo: Esta pesquisa pretende ser uma contribuição para a literatura sobre a relação entre o trabalho e a família, numa perspectiva positiva. Para tal, examinou-se a influência da Cultura de Suporte Organizacional na relação de Facilitação Trabalho- Família , tendo também sido explorado o efeito moderador do género nesta relação, considerando que, na literatura, esta variável se encontra constantemente associada em estudos efectuados no âmbito da relação Trabalho-Família. A amostra foi constituída por 171 casais, portugueses, residentes em Lisboa, estando ambos os membros do casal empregados, e com ou sem filhos. Os resultados mostram uma relação positiva entre a Cultura de Suporte Organizacional e a relação de Facilitação Trabalho-Família. Os trabalhadores que revelaram uma percepção positiva da Cultura de Suporte Organizacional revelaram também maiores indicações de Facilitação Trabalho Família. Contudo, o género não teve qualquer interferência na percepção da relação entre a Cultura de Suporte Organizacional e a Facilitação Trabalho Família, significando que neste estudo não foram encontradas diferenças nesta percepção tanto por parte dos homens como por parte das mulheres. Por outro lado, ficou claro que é importante conhecer melhor os obstáculos que impedem a criação de um ambiente de trabalho family-friendly , de forma a que esta informação possa ser utilizada pelas organizações para desenvolver programas de formação para gestores e workshops para os trabalhadores, visando coordenar as necessidades dos trabalhadores com os objectivos das organizações.
The aim of this study it's to serve as contribute to the work-family literature, assuming a positive point of view. Thus, we examined the influence of the work family culture in the work family facilitation. In the end, we explored the moderating effect of gender in this relation. The data came from 171 Portuguese couples, living in Lisbon. Both members were employed with or without children. Results show a positive relation between work family culture and work-family Facilitation. Workers that showed a positive work culture, also showed greater work-family facilitation. However, gender did not have any influence in the relationship, witch means that in this study there were no differences in perceptions of work family culture for men and women. Furthermore, it became clear that it is important to know better the obstacles that prevent the creation of a workplace "family-friendly" so that this information can be used by organizations to develop training programs for managers and workshops for workers, aiming to coordinate the needs of workers with the objectives of the organizations.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho das Organizações), 2008, Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10451/932
Appears in Collections:FPCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
17823_ulsd_dep.17551_Support.OrgFTF.pdf315,26 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia