Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/971

Título: A transnacionalização das políticas educativas : itinerários da cooperação portuguesa em Cabo Verde, Guiné-Bissau e S. Tomé e Príncipe (1974-2002)
Autor: Cruz, Maria Arlete Pereira da, 1959-
Orientador: Afonso, Natércio, 1948-
Palavras-chave: Políticas educativas
Cooperação internacional
PALOP
Teses de doutoramento
Issue Date: 2008
Resumo: The main focus of the present investigation is on the transnationalization of the education policies in Cape Verde, Guine-Bissau and San Tome and Prince from 1974 to 2002 and it deals mostly with the role played by the Portuguese co operants in this field, namely teachers, teacher trainers and education technicians. Our investigation is based mostly on the theoretical and empiric analysis of the problematic of the transnatio nalizaton of the education policies, bearing in mind the concepts formulated by several renowned authors like those by Stone(2001, 2004) as well as by Dolowitz and Marsch (2002) concerning the area of knowledge transfer. The concept transnationalization we have used throughout this dissertationshould be interpreted as a carrefour , that is, a crossroad of technical knowledge, resulting from the way the different mediators have shared their expertise and who gradually contributed to the implementation of the new education systems and the consolidation of the education policies of the countries just mentioned before. We have also analyzed specific points of reference connected both with globalization and organization sociology theories since the school is the main scope of action where the participants interact using diversified strategies due to their different interests and aims. Those schools are more and more confronted with education policies resulting from neoliberal assumptions therefore we label them terminals of the education policy journeys. The naturalist paradigm, which includes a qualitative and interpretative approach, answers for the design of this investigation, whose main strategy is the Oral History. The primary sources analyzed and the interviews made have enabled us to build our knowledge based on the grounded theory method (Glasser and Strauss, 1967), supported by the informatic programme Atlas TI. We conclude that despite the weaknesses and fragilities of the Portuguese cooperation, this is the right arena for a more convergent transference of values and education (al) systems; it is a kind of hybrid territory where the knowledge transfer suits the local reality, independently of all the dilemmas resulting from globalization.
A investigação que se apresenta está subordinada à temática da transnacionalização das políticas educativas em Cabo Verde, Guiné-Bissau e S. Tomé e Príncipe, entre 1974 e 2002 e debruçou-se sobre o papel desempenhado pelos cooperantes portugueses (professores, formadores, técnicos da educação) neste domínio. O objectivo central da nossa investigação assentou na análise teórica e empírica da problemática da transnacionalização das políticas educativas, tendo como referenciais as concepções produzidas por diversos autores, mormente as de Stone (2001,2004) e Dolowitz e Marsh (2002) na área da transferência do conhecimento. O conceito transnacionalização por nós utilizado ao longo deste trabalho deve entender-se como um carrefour de conhecimentos técnicos, resultante da partilha dos saberes dos diversos actores que, paulatinamente, contribuíram para a construção dos novos sistemas educativos e consolidação das políticas educativas dos países em estudo. Tivemos, também, em conta referenciais no âmbito das teorias da globalização e da sociologia das organizações, na medida em que os locais de acção são as escolas, espaços de estratégias díspares e onde interactuam actores com interesses e objectivos diversificados. Escolas que, cada vez mais, enfrentam políticas educativas resultantes dos pressupostos neoliberais, pelo que, metaforicamente as designamos de terminais das viagens das políticas educativas. O design da investigação assentou no paradigma naturalista, com recurso à uma abordagem qualitativa e interpretativa, tendo como estratégia a História Oral. As fontes primárias por nós analisadas e as entrevistas realizadas permitiram construir conhecimento com base no método da grounded theory (Glasser e Strauss, 1967), com recurso ao programa informático Atlas TI. Concluímos que num contexto de debilidades e fragilidades da cooperação portuguesa, esta é uma arena propícia à transferência de valores e de sistemas educativos da forma mais convergente; é um território onde se descortinam hibridismos e onde a transferência de conhecimento se ajusta à realidade local, malgrado todos os dilemas resultantes do fenómeno da globalização.
Descrição: Tese de doutoramento, Ciências da Educação (Administração Educacional), 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000554988
http://hdl.handle.net/10451/971
Appears in Collections:FPCE - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
18046_ulsd_re320_capa_VOL_I.pdf49,94 kBAdobe PDFView/Open
18047_ulsd_re320_Trasn.Pol.edu.VOL_I.pdf3,64 MBAdobe PDFView/Open
18048_ulsd_re320_Capa_VOL_II.pdf49,95 kBAdobe PDFView/Open
18049_ulsd_re320_Trasn.Pol.edu.VOL_II.pdf3,81 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia