Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/9908
Título: Síntese de novos complexos bioorganometálicos de ruténio e avaliação das suas propriedades anti-tumorais
Autor: Morais, Tânia Sofia Ferreira, 1980-
Orientador: Garcia, Maria Helena Anselmo Viegas, 1947-
Palavras-chave: Ruténio
Citotoxicidade
Química inorgânica
Teses de doutoramento - 2013
Data de Defesa: 2013
Resumo: Cancer is the second leading cause of death worldwide, and is therefore the subject of an intensive research. So far, about 50-70% of all tumors are treated with platinum based compounds (cisplatin, carboplatin and oxaliplatin). Due to several and severe side effects caused by platinum drugs and the resistance (intrinsic ou adquired), complexes with metal ions other than platinum, have been investigated for their anticancer properties. Ruthenium appears as a strong candidate for drug development showing low toxicity, selectivity for tumors, inhibition of metastasis progression and anti-angiogenic properties.In this frame, this work had, as main goal, the synthesis of new Ru(II) organometallic complexes and their evaluation as potential anticancer agents.Within this Ph.D thesis, 26 new organometallic complexes were synthesized derived of {Ru(5-C5H5)} fragment with heteroaromatic ligands. All the compounds were fully characterized by NMR (1D and 2D). FTIR and UV-vis. spectroscopies, mass spectrometry, elemental analysis, cyclic voltammetry and by X-ray diffraction, whenever single crystals were obtained. The stability in aqueous solutions and Log P values were determined.The cytotoxic activity of the complexes towards the human cancer cell lines A2780 (ovarian carcinoma), A2780CisR (ovarian carcinoma, Cisplatin resistant), MCF7 (breast adenocarcinoma, hormone dependent), MDAMB231 (breast adenocarcinoma, hormone independent), PC3 (prostate carcinoma) and HT29 (colon adenocarcinoma) was investigated by using the MTT assays, expressed as IC50 values.In a first approach to outline the pharmacokinetics of these compounds, the interaction of the complexes with serum proteins (human albumin and human transferrin) were evaluated, as well as the effect of the binding in cytotoxic activity of these compounds.The mechanisms of cellular uptake of the present Ru(II) compounds were also studied, using modulators of cellular transport. It was possible identify some intracellular targets.For some of these compounds the studies with animal models are current in progress.The work here present is published in the form of 12 papers in international journals with peer review and is the subject of 2 international patents.
O cancro é a segunda causa de morte no mundo inteiro sendo por isso alvo de uma intensiva pesquisa. Até à data, cerca de 50 – 70% dos tumores são tratados à base de platina (cisplatina, oxaliplatina e carboplatina). Devido aos vários e fortes efeitos secundários causados por estes fármacos, e à resistência intrínseca ou adquirida, a investigação neste campo estendeu-se a outros iões metálicos. O ruténio apresenta-se como um forte candidato para o desenvolvimento de novos fármacos por apresentar baixa toxicidade, selectividade para os tumores, inibição da progressão das metástases e propriedades anti-angiogénicas É neste contexto que surge este trabalho, cujo principal objectivo era a síntese de novos complexos organometálicos de Ru(II), e a avaliação da sua potencialidade enquanto agentes antitumorais.Nesta tese de doutoramento, foram sintetizados 26 novos complexos organometálicos contendo o fragmento {Ru(5-C5H5)} com ligandos heteroaromáticos. Todos os complexos foram caracterizados por espectroscopias de NMR (1D e 2D), FT-IR, e UV-vis., espectrometria de massa, análises elementares e voltametria cíclica. Para uma mais completa caracterização foram também obtidas as estruturas por difracção de raios-X sempre que foi possível obter monocristais adequados para esta técnica. A estabilidade em solução aquosa e os valores de log P foram determinados.A actividade citotóxica dos complexos foi avaliada nas linhas cancerígenas humanas A2780 (carcinoma do ovário), A2780CisR (carcinoma do ovário, resistente à cisplatina), MCF7 (carcinoma da mama, dependente de estrogénio), MDAMB231 (carcinoma da mama, independente de estrogénio), PC3 (carcinoma da próstata) e HT29 (carcinoma do cólon), por ensaios colorimétricos de MTT e expressa como valores de IC50.Para delinear a farmacocinética destes compostos, foi avaliada a capacidade de interacção de alguns complexos com proteínas séricas (albumina e transferrina humanas), bem como o efeito desta ligação na actividade citotóxica dos compostos.Estudaram-se, ainda, os mecanismos de captação celular dos compostos de Ru(II), usando moduladores do transporte celular, e foi possível identificar alguns alvos intracelulares. Alguns destes compostos começaram a ser estudados em modelos animais, estando alguns dos estudos ainda em curso. O trabalho apresentado nesta tese encontra-se publicado em 12 artigos em revistas internacionais com arbitragem científica, e registado em 2 patentes internacionais.
Descrição: Tese de doutoramento, Química (Química-Inorgânica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2013
URI: http://hdl.handle.net/10451/9908
Aparece nas colecções:FC - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd067062_td_Tania_Morais.pdf762,88 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.