Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/9971
Título: Problemas, a sua resolução e o seu interesse para uma Ciência da Mente
Autor: Amorim, Jorge Miguel Correia
Orientador: Coelho, Helder, 1944-
Palavras-chave: Ciência cognitiva
Heurísticas
Resolução de problemas
Teses de mestrado - 2013
Data de Defesa: 2013
Resumo: Estudar a resolução de problemas através da Ciência Cognitiva é um passo importante para a compreensão do funcionamento da mente. Os seus resultados abrem portas para diversas aplicações em diferentes áreas desde Educação a Computação. Ao longo dos anos, a Psicologia Cognitiva e a Inteligência Artificial foram geradoras de numerosos contributos para um entendimento mais claro de como funciona a mente humana quando resolve problemas. O presente estudo recorre à teoria de resolução de problemas de Newell e Simon para unir os diferentes contributos teóricos no âmbito da Ciência Cognitiva e para elaborar um breve desenho experimental. Os dados recolhidos sugerem que na presença de um problema mal-definido este é convertido para um problema bem-definido para ser resolvido, que realizar uma versão simplificada do problema ajuda a resolução da versão mais complexa, que uma solução pode ser alcançada sem consciência nem transferência da mesma. O estudo, como esperado, abre portas para novas perguntas relativas à representação em memória externa, transferência de heurísticas em problemas isomórficos e mecanismos de avaliação pós realização de tarefas.
Studying problem solving through Cognitive Science is an important step towards a more comprehensive understanding of how the human mind works. The results yielded by these studies support and in many ways promote a number of different applications in areas ranging from Education to Computing. Over the years, Cognitive Psychology and Artificial Intelligence have generated numerous contributions to a clearer understanding of how the human mind works in the context of problem solving. This study adopts Newell and Simon’s problem solving theory with the aim of bringing together the several theoretical contributions within the scope of Cognitive Science and drawing up a short experimental design. Data collected suggest that: when presented with an ill-defined problem, the subject converts it into a well-defined problem in order to solve it; designing a simplified version of the problem helps solving its more complex version; a solution can be achieved with no awareness or transfer processes involved. As expected, this study raises new questions associated with external memory representation, heuristic transfer in isomorphic problems and post-task performing evaluation mechanisms.
Descrição: Tese de mestrado, Ciência Cognitiva, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, Faculdade de Letras, Faculdade de Medicina, Faculdade de Psicologia, 2013
URI: http://hdl.handle.net/10451/9971
Designação: Mestrado em Ciência Cognitiva
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie044825_tm.pdf330,68 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.